Menu
19 de janeiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Brasil

Bolsonaro pede revogação de medida que excluiu atividades de MEI

Em nota, a Secretaria Executiva do Simples Nacional informou que a proposta será encaminhada ao Comitê Gestor do programa

8 Dez2019Agência Brasil16h09

O presidente Jair Bolsonaro informou hoje (7), em mensagem no Twitter, que determinou o envio ao Comitê Gestor do Simples Nacional de proposta de revogação da medida que aprova a revisão de uma série de atividades que podem atuar como  microempreendedores individuais (MEI). A medida resultou na exclusão de algumas profissões do programa.

- Determinei que seja enviada ao Comitê Gestor do Simples Nacional a proposta de REVOGAÇÃO da resolução que aprova revisão de uma série de atividades do MEI e que resultou na exclusão de algumas atividades do regime.

Em nota, a Secretaria Executiva do Simples Nacional informou que a proposta será encaminhada ao Comitê Gestor do programa, como também a proposta de ampla revisão da lista das 500 atividades que podem atuar como MEI.

A resolução com a lista dos profissionais excluídos foi publicada na edição dessa sexta-feira (6) do Diário Oficial da União.

Na lista estão astrólogo, canto/músico, disc jockey (DJ) ou video-jockey (VJ), esteticista, humorista e contador de histórias, instrutor de arte e cultura, instrutor de artes cênicas, instrutor de cursos gerenciais, instrutor de cursos preparatórios, instrutor de idiomas, instrutor de informática, instrutor de música, professor particular e proprietário de bar, com entretenimento.

Veja Também

PSDB desmente boato sobre expulsão de Rose do partido
Homem é encontrado morto em kitinete
Guto Scarpanti é pré-candidato do NOVO na disputa pela prefeitura da Capital
Simone defende sistema mais justo
Obras do Córrego Anhanduí devem ser concluídas com recurso federal
Bolsonaro diz que preço do combustível deve estabilizar
Proposta proíbe consulta médica grátis e doação de remédio em campanha eleitoral
Senador quer visitar área de conflito com índios e levar relatório para Bolsonaro
Azambuja está entre os governadores que mais cumprem promessas
Prefeito adianta que vai negar novo aumento na tarifa de ônibus