Menu
25 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Governo do Estado - Gestão por Competência
Inquérito

Chamado de fantasma, Marquinhos estuda propor CPI das constratações

Parlamentar estuda propor CPI para apurar eventuais irregularidades

5 Out2016Da redação14h49

O deputado estadual e candidato a prefeito de Campo Grande Marquinhos Trad (PSD) estuda propor a abertura de uma CPI para investigar as contratações da Assembleia Legislativa e do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Ele suspeita de irregularidades. Durante o primeiro turno das eleições, Marquinhos Trad foi acusado, por adversários, de ser funcionário fantasma da Casa de Leis, o que ele sempre negou.

Para que o pedido de abertura da CPI seja aceito, o parlamentar precisa colher oito assinaturas. Conforme acusação levantada contra Marquinhos, ele teria sido nomeado funcionário comissionado no gabinete de seu pai, Nelson Trad, no período em que estudava no Rio de Janeiro. Sugerindo a CPI, o deputado pretende provar que nada teme, segundo sua assessoria de imprensa. 

Ainda de acordo com a assessoria do parlamentar, a possibilidade de abertura de CPI foi levantada na sessão de ontem e o jurídico está analisando.

Veja Também