Campo Grande •29 de Maio de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Valdelice Bonifácio | Sexta, 23 de Setembro de 2016 - 16h20Veículo de Bueno é encontrado incendiado na fronteiraNinguém foi preso até agora e Polícia Civil segue com várias linhas de investigação

  
Polícia Civil divulgou nesta sexta-feira imagens do carro encontrado incendiado (Foto: Roberto Okamura)
  • Polícia Civil divulgou nesta sexta-feira imagens do carro encontrado incendiado
  • Ex-vereador foi encontrado morto na quarta-feira passada (Foto: Arquivo DD)
  • Delegado Edilson dos Santos afirma que várias linhas de investigação estão em curso, mas serão mantidas em sigilo (Foto: Roberto Okamura)
  • (Foto: Roberto Okamura)
  • (Foto: Roberto Okamura)
  • (Foto: Roberto Okamura)
  • (Foto: Roberto Okamura)

A Polícia Civil localizou nesta sexta-feira, 23 de setembro, o veículo Land Rover, modelo Freelander 2, de propriedade do ex-vereador assassinado José Alceu Padilha Bueno. O carro estava incendiado em Ponta Porã, perto da fronteira com o Paraguai. O crime é investigado pela Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco e Resgate a Assaltos e Sequestros (Garras). Ninguém foi preso e a polícia segue com várias linhas de investigação, inclusive, queima de arquivo.

O delegado titular do Garras e responsável pelas investigações Edilson dos Santos concedeu entrevista coletiva na tarde de hoje na qual divulgou que a Polícia Civil de Ponta Porã localizou o carro no final da manhã de hoje. Embora o delegado não tenha revelado qualquer das linhas de investigações para não atrapalhar o trabalho da polícia, o fato de o carro ter sido encontrado incendiado afasta a suspeita de latrocínio e aproxima da hipótese de queima de arquivo.

“Não vamos divulgar detalhes sobre as linhas de apuração para não atrapalhar os investigadores. Há várias hipóteses em análise”, afirmou o delegado. O carro estava sem placas e com número do chassi danificado, mas mesmo antes dos exames periciais, a polícia já tinha certeza que o veículo era mesmo o de Bueno. Desde ontem, os investigadores já sabiam que o veículo estava em Ponta Porã.

Mais conhecido como Alceu Bueno, o ex-parlamentar, foi encontrado morto na manhã de quarta-feira, 21 de setembro, em um matagal no Parque dos Poderes. Ele foi morto por estrangulamento e depois levado ao local de desova onde o cadáver foi incendiando. Imagens de vídeo mostram o momento em que duas pessoas ateiam fogo no corpo.

No ano passado, Bueno foi condenado a oito anos de prisão em regime por envolvimento no escândalo da pedofilia.  Conforme a sentença, ele teria cometido dois crimes de exploração sexual de vulnerável. Na mesma rede de exploração, a polícia descobriu ainda o envolvimento de outros políticos e empresários.

(Matéria alterada às 17h para atualização de informações)

Veja Também
Dupla é presa por pesca predatória, porte de arma e munições
Avião é encontrado abandonado em milharal em MS
Nove do PCC vão a júri por homicídio em presídio de Três Lagoas
Cheia no Pantanal atingirá 4,5 metros no meio do ano
Caminhão desgovernado invade residência
Polícia Militar prende autor de furto em residência em Ladário
Segunda, 29 de Maio de 2017 - 09h18Homem invade pista e bate em carreta Com o impacto o corpo da vítima foi arremessado para fora do veículo
Neblina é possível causa morte de motociclista
Vítima reage e persegue assaltantes
Cenipa investiga acidente com ex-candidato
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
Rec banner - cirurgia.net
DothNews
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento