Campo Grande • 07 de dezembro de 2016 • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Larissa Mendes, especial para o Diário Digital | segunda, 10 de outubro de 2016 - 09h28Traficante morre ao trocar tiros com a políciaBandido transportava 94 kg de maconha no veículo

Residência onde era o ponto de distribuição de drogas.
Residência onde era o ponto de distribuição de drogas. (Foto: Luciano Muta)


Júnior José Alves, 30 anos, morreu na noite de sábado, 08, ao trocar tiros com a polícia em um matagal próximo a rodovia BR -163, próximo a Jaraguari. Policiais vigiavam o autor, quando viram ele em ato suspeito, sair em alta velocidade de um casa, em Campo Grande. Na residência, foi encontrada uma grande quantidade de droga e dois fugitivos do sistema prisional, foram presos.

Conforme informações do boletim de ocorrência, a polícia recebeu uma denuncia anônima, relatando que uma residência na rua rua Waldomiro Coelho Neto, sem número, no bairro Jardim Serraville, era ponto de distribuição de droga. Diante dos fatos, a polícia ficou de prontidão no local desde as 19h30. Momento em que visualizaram um veículo, Fiat Strada de cor branca, entrar no quintal da casa e tempo depois, sair do local em alta velocidade. 

A polícia acompanhou o veículo até a chegada do apoio da Equipe da Força Tática da Polícia Militar. Na rotatória da saída para Cuiabá, foi dada ordem de parada para o veículo, porém o condutor não obedeceu e empreendeu fuga.  Os policiais acompanharam o bandido cerca de 20km, até Júnior parou o carro no acostamento e fugiu em direção ao matagal.

Assim que a polícia entrou no mato, o traficante efetuou quatro disparos contra os policiais que revidaram, acertando dois tiros da região do tórax de Júnior. Ele foi rapidamente socorrido, encaminhado para a Santa Casa, mas devido a gravidade dos ferimentos, morreu horas depois.  No carro, foi encontrado 108 tabletes de maconha, que em pesagem, totalizaram 94,20 kg. 

Na residência onde seria a distribuição de drogas, haviam duas pessoas, identificadas como Thais Fernanda Moreira, e Juliano Gonçalves Baroni, que em checagem, a polícia verificou que eles são foragidos do sistema prisional desde 2014. Durante buscas da casa, foi localizada balança de precisão, R$ 321,00, 158 tabletes de substancia análoga a maconha, que em pesagem, totalizaram 147,05 kg. 


A dupla foi presa e junto com a droga apreendida, foram encaminhados para a Delegacia de Jaraguari, onde o caso foi registrado. 

Veja Também
Operação Canindé prende 11 pessoas em ação contra 'golpe da arara' em dois estados
Criminosos indicam local de 8ª ossada; veja vídeo
Quadrilha envolvida em roubo de veículos é presa
PMA captura jibóia de 1,5 metros em residência
Mais um corpo é localizado em cemitério clandestino
Número de executados por 'Nando' pode chegar a 20
Após colisão, motorista bêbado tenta intimidar PMs: 'sou amigo de políticos'
Presos matam detento na Máxima e simulam suicídio
Polícia Civil publica relações de servidores habilitados e inabilitados às promoções
segunda, 05 de dezembro de 2016 - 10h53Jovem é morto por pistoleiro Estação ferroviária é palco de assassinato
square noticias uci
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
Rec banner - cirurgia.net
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2016 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento