Campo Grande •27 de Maio de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Dayene Paz e Laureano Secundo | Quinta, 11 de Maio de 2017 - 09h34Sob escolta policial, Puccinelli chega em patronato para colocar tornozeleiraEx governador chegou em um carro da Polícia Federal e aguarda a chegada do advogado

Sob a escolta de policiais federais, o ex-governador de Mato Grosso do Sul, André Puccineli, chegou por volta das 9h20 da manhã desta quinta-feira, 11, no Patronato Penitenciário de Campo Grande, aonde deve colocar a tornozeleira eletrônica. O ex governador chegou em um carro da Polícia Federal e aguarda a chegada do advogado.

André Puccinelli esteve na sede da Polícia Federal (PF) desde cedo, levado em condução coercitiva. Além de André, o filho André Puccinelli Junior, o ex-assessor dele, André Cance, o empresário Mirched Jaffar Junior dono da Gráfica Alvorada e Mauro Cavali também estão no prédio da Polícia Federal em cumprimento a mandados expedidos dentro da Operação Lama Asfáltica.

André Cance e Mirched Jafar Junior estão em prisão preventiva. Uma equipe da Receita Federal estava em frente á empresa H2L Soluções Para Documentos, localizada na avenida 25 de dezembro.

Trata-se de mais uma fase da Operação Lama Asfáltica que foi deflagrada no dia 9 de julho de 2015. Neste período, pelo menos 15 pessoas foram para cadeia. Entretanto, todas estão soltas aguardando o resultado das investigações.

No prédio do filho do ex-governador já estiveram três equipes da PF. Duas já deixaram o prédio com documentos. Sendo que a última saiu por volta das 7h, com um homem ainda não identificado, usando um camiseta rosa e boné bege.

 

Veja Também
Vídeos
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento