Campo Grande •14 de Dezembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner 3 Governo do estado - Campanha Mudança Saúde

Mariel Coelho, em especial para o Diário Digital. | Segunda, 31 de Julho de 2017 - 17h45Quatro pessoas são presas após sequestrar uma pessoa em DouradosAcusados queriam informações sobre duplo homicídio

(Foto: Osvaldo Duarte)

No domingo (30) quatro pessoas foram presas em Dourados após sequestrarem um rapaz de 25 anos para cobrar informações a respeito de um duplo homicídio, que aconteceu no dia 8 de julho, em um lava rápido próximo a Rua Coronel Ponciano.

De acordo com o site Dourados News foram presos Luís Carlos Gregol, de 39 anos, residente em Paranhos, Alex dos Santos Botelho, de 25 anos, o ‘Neguinho’, Roberto Antunes de Lara, de 24 anos e Gilson Alves Maccari, de 23 anos, que foram presos em flagrante por porte e posse ilegal de arma de fogo, sequestro e associação criminosa.

Conforme relatos a vítima estava com amigos no Jardim Universitário quando a caminhonete Hilux preta, com os sequestradores, se aproximou. Os ocupantes desceram do veículo encapuzado e levaram o rapaz.

Os colegas após o carro sair legaram para a Polícia Militar que iniciou rondas pela região, que localizaram o veículo com os envolvidos na Rua Passo Fundo, cruzamento com a Cider Cersózimo, no mesmo bairro.

O jovem teria sido questionado por várias vezes sobre quem seria ‘Ednaldo’, que é suspeito de ter ligação com o duplo homicídio ocorrido no dia 8 de julho.

Luís Carlos é irmão de Carlos Domingos Gregol e pai de Gabriel Gregol, mortos no lava rápido. Com ele a polícia encontrou uma pistola 380 com dois carregadores e 42 munições. Já com Alex havia uma arma calibre 9 mm com 44 munições. Gilson também portava arma do tipo com 44 munições.

Na casa de Roberto Antunes os policiais encontraram outra arma pistola calibre 380. Com o grupo a polícia ainda apreendeu capuz, corda e certa quantia em dinheiro.

Questionado Luís Carlos disse que o porte de arma dele e dos outros envolvidos, foi decorrente a uma ameaça de invasão na sua propriedade, na região de Amambaí.

A polícia vai investigar o caso.

Veja Também
Policiais dizem que liberaram jovens após vistoria
Identificado homem executado a tiros no Portal Caiobá
Ex-presidente da OAB é encontrado morto
Homem é executado a tiros no Portal Caiobá
Sucuri é capturada pelos bombeiros na avenida Rio Branco
Quatro são presos por furto e porte ilegal de arma
Megaoperação cumpre mandados em bairros de Dourados
Homem é encontrado morto e acorrentado em rio
Marido que ateou fogo em esposa diz que teve surto
Homem é morto com facada no pescoço pelo vizinho
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
Rec banner - Patio central
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento