Campo Grande •19 de Novembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner Governo - Governo Presente - Matrícula

Dayene Paz | Quarta, 14 de Junho de 2017 - 11h40População paga 7% a mais na tarifa por conta dos famosos ‘gatos na energia’Ano passado, 40 mil clientes foram autuados furtando energia, 60% desses casos são na Capital

(Foto: Luciano Muta)

A cada ano, a população de Mato Grosso do Sul paga 7% a mais da tarifa de energia, resultado dos famosos gatos no padrão. Para combater o furto de energia elétrica, equipes da empresa concessionária de energia, a Energisa, em conjunto com a Polícia Civil, faz uma operação. São 126 locais, alvos da ação.

De acordo com o gerente de combate ao furto de energia, Paulo Roberto dos Santos, ano passado, 40 mil clientes foram autuados furtando energia, 60% desses casos são na Capital. “O que a gente perde de energia no Estado, por ano, daria para abastecer uma cidade como Dourados”, exemplifica. Paulo afirma que é uma perda de R$ 100 milhões, dos quais R$ 40 milhões são de impostos.

A população é quem paga por essa perda. O aumento da tarifa é de 7 %, de acordo com o gerente. Paulo explica que a fraude não está na classe menos favorecida. “Não está nas classes menos favorecidas, está em toda a sociedade”, afirma. 

Em uma residência no bairro Monte Castelo, onde a equipe esteve esta manhã, o padrão que deveria registrar consumo de 1000 kw, mas só estava registrando 250kw. “A perícia vem para fazer toda a análise e constatar o furto, só daí é feito o flagrante”, explica. Os autuados são encaminhados para a delegacia, e saem mediante pagamento de fiança.

Em uma panificadora no bairro São Francisco, outro flagrante. O que era pra se consumir 1000 kw, mas também só registrava 250 kw. Um prejuízo de R$ 50 mil para a concessionária de energia. O proprietário já teria sido otificado anteriormente e estava pagando os débitos do gato. Esta é a quarta autuação.

O delegado que acompanhou a fiscalização na panificadora, Gomides Ferreira dos Santos, afirma que, quem colabora fazendo o gato, além do proprietário, vai responder pelo crime de furto e também pode ser preso. 

Veja Também
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
Rec banner - Patio central
DothNews
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento