Menu
25 de janeiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Fronteira

Polícia prende suspeitos de assassinato de adolescente de 14 anos

Alex Ziole Areco estava desaparecido desde o dia 23 de Novembro

5 Dez2019Da Redação17h05
(Foto: Porã News)
  • Polícia apreendeu evidências que ligariam ao desaparecimento e possível assassinato do estudante
  • (Foto: Porã News)

A Polícia Civil de Mato Grosso do Sul acaba de confirmar que, de acordo com a papiloscopista, a mão encontrada no tambor de plástico, deixado na margem do rodoanel de Ponta Porã, na manhã desta quinta-feira (5), é do adolescente Alex Ziole Areco Aquino,  de 14 anos. Aparentemente o corpo estava enterrado há mais tempo,  por isso, a polícia acredita que pode ter havido uma mistura de cadáveres. Parte dos restos mortais vão ser enviados para exame de material genético. 

Três pessoas suspeitas de envolvimento no desaparecimento do adolescente foram presas na tarde hoje (5), em em Pedro Juan Caballero, cidade vizinha de Ponta Porã (MS).  Na casa onde estavam as duas mulheres e um adolescente, agentes do Departamento de Investigações Criminais da Polícia Nacional apreenderam duas pás, sacolas de roupas e outras evidências que ligariam o trio ao desaparecimento e assassinato do estudante.

O adolescente estava desaparecido desde o dia 23 de novembro, quando foi visto pela última vez sendo levado em uma caminhonete.

( Matéria atualizada às 17h41) 

Veja Também

Aliança entre forças policiais amplia ações para NháNhá e oito são presos
Polícia já tem suspeitas sobre execução no Caiçara
Estelionatária usava perfil falso para vender imóveis em grupo no Facebook
Comerciante tem loja invadida no centro de Dourados
Quatro são presos por envolvimento na morte de casal de MS
Homem é executado com sete tiros
Bebê morre duas horas depois de ingerir leite materno
Polícia prende pistoleiro na fronteira
Menino de 13 anos é morto a tiro pelo amigo
Garagista é denunciado por estelionatos na Capital