Menu
24 de setembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Victor Center
Investigado

Polícia ainda investiga morte de ex-diretor do HU

Ainda não há informações sobre as causas de sua morte

12 Mar2018Da redação06h59

Encontrado morto na tarde de ontem (11) dentro de uma sauna, o corpo do médico cardiologista e ex-diretor do Hospital Universitário (HU) de Campo Grande, Jose Dorsa Viera Pontes. A polícia ainda investiga os motivos da morte.

Segundo informações a suspeita é que Dorsa teria sido assassinado, porém  outras informações de amigos da família relataram que motivo de sua morte ‘teria sido um ataque cardíaco', mas nenhum dos fatos foi confirmado.  Ainda não informações sobre o sepultamento do cardiologista.

Escândalo  -  Enquanto era o diretor-geral do HU, Dorsa foi um dos foi um dos envolvidos no escândalo da “Máfia do Câncer”. Em 2012 José tentava ganhar uma licitação no Hospital Regional com a empresa Cardiocec, que prestava serviços na área de cardiologia.

No HU, dois inquéritos da operação apuram irregularidades no setor de cardiologia, que era especialidade médica do então diretor José Carlos Dorsa, e o outro, em contratos para a compra de equipamentos e prestação de serviços nas áreas de nutrição e construção civil. Foram 17 pessoas indiciadas. Dorsa, três dos assessores dele, três servidores do HU e 10 empresários e representantes de empresas. O esquema é investigado pela Polícia Federal.

Veja Também