Campo Grande •23 de Maio de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Corrida de Outono patrocinadores

Giselli Figueiredo, de Aquidauana, em colaboração para o Diário Digital | Domingo, 14 de Maio de 2017 - 08h21Polícia encontra acusada de latrocínio embaixo da camaMiriam Chaparro Flores matou amiga com duas facadas

  
(Foto: Polícia Civil/Divulgação)
  • (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
  • (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
  • (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

O Núcleo de Inteligência, Investigações e Capturas – NIIC, da Polícia Civil de Aquidauana, prendeu na manhã deste sábado (13) Miriam Chaparro Flores, 44 anos, acusada de matar Nilva Regina Teodoro, 45, com duas facadas, uma na coxa esquerda e outro na região abdominal.

De acordo com os investigadores, Miriam e Nilva bebiam próximo a rodoviária da cidade na madrugada de sábado, quando se desentenderam por conta de bebida alcoólica. Miriam desferiu duas facadas na vítima e fugiu do local. A mulher foi resgatada com vida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada ao pronto socorro de Aquidauana, onde recebeu atendimento médico, mas não resistiu aos ferimentos.

Ao chegar na residência da autora, os policiais questionaram a filha dela, que teria afirmado aos policiais que a mãe não estava. Os investigadores desconfiaram e ao revistarem a casa encontraram Miriam escondida embaixo da cama. Ela jogou a arma do crime na caçamba de entulho em uma construção no bairro Alto, próximo a duas escolas na região. 

A acusada, que já responde por tentativa de homicídio, irá responder por latrocínio, já que estava com o celular da vítima. Além da autora do latrocínio, duas testemunhas do crime responderão por furto, pois foram encontradas com a bicicleta da vítima.

Veja Também
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento