Menu
27 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Meio Ambiente

PMA multa em R$ 15 mil traficante dono de rinha de galos

Mais de 70 animais eram mantidos confinados em gaiolas de madeira apertadas

30 Jul2017Da redação08h39

Policiais Militares Ambientais de Corumbá foram acionados pela Polícia Civil, em razão de uma rinha de galos encontrada na residência de um homem preso pro tráfico de drogas. A PMA foi ao local ontem (27) e verificou a criação e manutenção de 76 animais domésticos da espécie galo-índio (Gallus gallus domesticus) em espaço inadequado. Eles eram mantidos confinados em gaiolas de madeira apertadas com restrição de movimentos, privação de luz solar e circulação aérea inadequada.

Os animais apresentavam diversos ferimentos na crista e peito e 30 estavam com vários ferimentos graves, bem como todas as aves apresentavam-se mutiladas, com as esporas cortadas, sinais característicos de emprego dos animais em rinhas. No local ainda foi encontrada arena que é utilizada para colocar os animais em briga, o que ratifica que o local funcionava como uma rinha. Os animais, caixas e os petrechos artificiais para briga foram apreendidos.

O infrator, de 54 anos, residente no local, foi conduzido à delegacia pela Polícia Civil de Corumbá, juntamente com os animais e materiais apreendidos e responderá por crime ambiental de maus-tratos a animais, além do tráfico de drogas.

A PMA, depois de realizar os levantamentos dos animais que sofreram maus-tratos, realizou hoje (28) um auto de infração administrativo e aplicou multa de R$ 15.000,00 contra o infrator.

 

Veja Também