Menu
22 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner ALMS - AUDIÊNCIA PÚBLICA
Crime ambiental

PMA e GTO prendem homem com carne de animal silvestre e ovos de Ema

Autor disse ter ganhado de pessoas que trabalhava em uma plantação

20 Ago2017Da redação16h59

Policiais Militares Ambientais de Costa Rica e do Grupo Tático Operacional (GTO) realizavam fiscalização na rodovia MS-306, no local denominado Trevo do Gaúcho Pobre e prenderam um homem de 68 anos, com carne de animal silvestre e ovos de Ema. O infrator, residente em Costa Rica estava em um veículo GM/S-10 abordado no início da madrugada neste sábado (18).

Dentro do veículo foram encontrados dois ovos de animal silvestre da espécie Ema. Na carroceria foram encontrados pedaços de carne de animal silvestre, aparentando ser de um cateto ou queixada, em uma sacola plástica. O infrator admitiu ser carne de animal silvestre, porém, informou que teria ganhado de pessoas que trabalhavam em uma plantação de algodão e não se lembrava mais o local. A carne e os ovos foram apreendidos.

O infrator foi autuado administrativamente e multado em R$ 1,5 mil. Ele também foi encaminhado, juntamente com o material apreendido, à Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica, que investigará o caso. O autuado responderá por crime ambiental de transporte de produto ilegal da fauna e poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção.

Veja Também