Menu
25 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Cassilândia

PMA autua proprietário rural em R$ 8,4 mil

Autor estava armazenando madeira ilegalmente

12 Ago2017Da redação12h00

Policiais Militares Ambientais de Cassilândia foram acionados por Policiais Civis de Paranaíba, que investigavam um incêndio criminoso no Assentamento Serra ontem (11) à tarde, para averiguar a legalidade de madeiras armazenadas por um assentado.

No local, a PMA verificou que 8 m3 de madeira da espécie Peroba serrada em vigas, pranchas e tábuas eram armazenados sem o documento de origem expedido pelo órgão competente. Parte do produto havia sido queimado durante o incêndio.

O assentado proprietário do produto florestal armazenado não possuía autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal), que é o documento legal para se ter em depósito ou transportar qualquer produto florestal.

O infrator (42), residente em Paranaíba, foi autuado administrativamente e multado em R$ 8.423,00. Ele também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.

Veja Também