Menu
26 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Em MS

PMA apreende tarrafas, redes de pesca, e retira 67 anzóis de galho do rio Coxim

Proprietários dos materiais ilegais não foram localizados

9 Out2016Da redação12h00

Durante fiscalização fluvial visando a prevenção à pesca predatória, na operação Padroeira do Brasil, no rio Coxim, no trecho entre a foz do Rio Camapuã e o travessão do Jaú, Policiais Militares Ambientais de São Gabriel do Oeste apreenderam ontem (8) diversos petrechos proibidos para a pesca, sendo que alguns se encontravam armados no rio.

Nas proximidades da ponte do rio Coxim, na rodovia MS 142, a equipe localizou duas redes de pesca e dois tarrafões, em sacas plásticas. Possivelmente, pescadores abandonaram o material proibido que utilizariam, ao avistar a fiscalização. Do rio foram retirados 67 anzóis de galho, que estavam armados. Os proprietários dos materiais ilegais não foram localizados.

Fiscalizações preventivas dessa natureza são fundamentais para a prevenção à pesca predatória, tendo em vista o grande poder de captura e depredação dos cardumes, dos petrechos proibidos de pesca como esses retirados do rio pelos policiais. Além disso, há grande dificuldade de deter os autores, pois tais petrechos são armados em curto espaço de tempo e os pescadores não permanecem no rio durante a pesca, fazendo somente a retirada dos peixes, também em tempo bastante curto.

Veja Também