Menu
25 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Em MS

PM e Receita prendem mulher tentando entrar em Corumbá com 1,2 kg de crack

Ela tentava cruzar a fronteira em um táxi boliviano clandestino quando foi abordada

11 Set2017Da redação08h41

Mulher de 28 anos, natural de Fortaleza, no Ceará, foi presa durante ação conjunta da Polícia Militar e Receita Federal por volta no sábado (09), no Posto de Fiscalização localizado na fronteira de Corumbá com a Bolívia. 

Ela tentava cruzar a fronteira em um táxi boliviano clandestino quando foi abordada. As equipes de fiscalização desconfiaram do nervosismo dela durante a vistoria. Em revista pessoal, foi encontrado com ela, enrolado em uma coberta, dentro de uma sacola plástica, um tablete de crack, que pesou cerca de 1 quilo e 200 gramas.

A mulher contou que tinha comprado o entorpecente na Bolívia por aproximadamente US$ 1.800 e levaria para a capital cearense. Flagrada por tráfico internacional de drogas, ela foi conduzida por um policial militar e um servidor da Receita Federal até a Polícia Federal, onde foi autuada. Em caso de condenação, a pena prevista varia de 5 a 15 anos de reclusão.  (Com Diário Online)

Veja Também