Campo Grande •23 de Fevereiro de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Banner Governo do Estado - Campanha IPVA

Valdelice Bonifácio | Quinta, 15 de Setembro de 2016 - 14h42Pivô da morte de adolescente é assassinado a tirosBoneco foi assassinado na saída de presídio; suspeita é de acerto de contas

  
Weverton Silva Ayva, 28 anos, chegou a ser socorrido após ser atingido por tiros, mas faleceu (Foto: Arquivo Pessoal)
  • Weverton Silva Ayva, 28 anos, chegou a ser socorrido após ser atingido por tiros, mas faleceu
  • Thamara que está presa em Corumbá afirma estar grávida de Boneco (Foto: TV MS Record)
  • Victoria Correia Mendonça, 18 anos, foi assassinada por Thamara em 19 de julho (Foto: Reprodução/Facebook)
  • Boneco tinha várias rixas no mundo do crime, segundo a polícia (Foto: Arquivo Pessoal)
  • (Foto: Arquivo Pessoal)
  • Boneco foi morto na saída de estabelecimento penal, em Campo Grande (Foto: Roberto Okamura)
  • Local do crime tem câmeras de segurança por perto (Foto: Roberto Okamura)

A Polícia Civil investiga o assassinato de Weverton Silva Ayva, 28 anos, conhecido pelo apelido de “Boneco”. O rapaz foi morto a tiros na manhã desta quinta-feira, dia 15 de setembro, quando saía do Estabelecimento Penal de Regime Aberto e Casa do Albergado, na Vila Sobrinho, em Campo Grande. A suspeita é de acerto de contas já que a vítima tinha longo envolvimento no mundo do crime. A investigação corre na 7ª Delegacia de Polícia Civil.

“Boneco” é apontado como pivô de um outro crime que chocou Campo Grande. Em 19 de julho, a jovem Victória Mendonça, 18, foi assassinada a tiros na casa dela por Thamara Aguelho, 21, que praticou o homicídio por ciúmes de “Boneco”. O rapaz estaria se relacionando com as duas. Thamara confessou o assassinato de Victória e está presa na Penitenciária Feminina de Corumbá.

Para a polícia, a morte do rapaz não está ligada ao assassinato da jovem e sim às rixas que ele acumulava com outros criminosos. Weverson respondia por dois homicídios e tinha passagens por outros crimes como roubo, furto, tráfico de drogas, ameaça, evasão do local de custódia, porte ilegal de arma de fogo e uso de falsa identidade.

O assassinato do rapaz ocorreu por volta das 6 horas, quando ele estava saindo do presídio. Um carro branco se aproximou e o passageiro atirou ao menos cinco vezes contra Weverson. Três disparos teriam acertado a cabeça da vítima que chegou a ser socorrida, mas morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Almeida.

Thamara – Thamara que esteve foragida após matar Victória por ciúmes se entregou à Polícia no dia 22 de julho. Ela está grávida e afirma que o filho é de Boneco.

No dia 25 de agosto, a jovem atacou uma agente penitenciária no Presídio Feminino Irmã Irma Zorzi, em Campo Grande. Segundo registro interno, a agente sofreu arranhões, mordidas e teve os cabelos arrancados por Thamara.

Na segunda-feira passada, 12 de setembro, a moça foi transferida para a Penitenciária Feminina de Corumbá com autorização judicial. A transferência teria ocorrido por razões de segurança, segundo a Agência de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen). 

Veja Também
Autor de violência doméstica é preso com grande quantidade de munições
Polícias entram em confronto com usuários de drogas em São Paulo
Jovem é preso com porções de drogas camufladas em papel de balas
Estelionatário e preso com 198 cédulas de 50 Reais falsas na fronteira
Foi irresponsabilidade do dono, diz jovem atacada por Pit Bull
PMA prende infrator por comercializar carne de jacaré no Pantanal
Homem é executado ao parar em semáforo
Após espancar, irmãos esfaquearam vítima até a morte
Dupla do CV é presa suspeita de executar integrante do PCC
PM salva mulher de ataque Pitbull
Ótica Diniz
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento