Menu
24 de setembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Victor Center
Operação Vostok

PF ainda procura investigado da Vostok

Corretor de gado José Ricardo Guitti Guimaro, conhecido como ‘Polaco’, ainda não foi localizado

13 Set2018Valdelice Bonifácio, com TV MS Record18h50

A Polícia Federal (PF) ainda procura um dos investigados na Operação Vostok. O corretor de gado José Ricardo Guitti Guimaro, conhecido como ‘Polaco’ não foi localizado segundo o apurado até a publicação desta nota. Os outros 13 mandados de prisão temporária já foram cumpridos. Um dos presos é o filho do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), Rodrigo Souza e Silva.

Conforme a Operação Vostok, Reinaldo Azambuja chefiava um esquema de concessão de incentivos fiscais aos frigoríficos do JBS instalados no Estado em troca de propinas. Foram presos ex-assessores de Reinaldo, um deputado estadual ligado a ele, empresários e pecuaristas.

Além de Polaco, também era esperado pela PF o ex-prefeito de Porto Murtinho e ex-diretor-presidente da Fundação Estadual de Turismo Nelson Cintra. Ele se apresentou no final da manhã desta quinta-feira, 13, e deverá cumprir a prisão temporária como os demais presos.

A PF já procurou Polaco em Campo Grande e no estado do Pará, sem conseguir localizá-lo. Segundo as investigações, o corretor de gado se tornou alvo de um plano de assassinato após cogitar fazer delação premiada e relatar o esquema criminoso às autoridades.

Veja Também