Menu
26 de junho de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Alvo

Operação em Rio Brilhante prende quatro pessoas

Polícia investiga suposto esquema de fraudes em processos licitatórios na prefeitura

12 Jun2019Byanca Santos - Especial para o Diário Digital15h33

A Polícia Civil terminou na manhã desta quarta-feira, 12 de junho,  uma operação que investigava um suposto esquema de fraudes em processos licitatórios na prefeitura de Rio Brilhante.

Com o cumprimento de 12 mandados de busca e apreensão e com quatro prisões, o empresário Ademir Belarmino da Silva, foi preso em Dourados. Ele é proprietário de uma empresa de móveis e de agência de turismo.

Seis mandados de busca e apreensão também ocorreram em Dourados, mas as outras determinações judiciais foram realizadas em Rio Brilhante.

Os nomes dos envolvidos não foram divulgados, porém, segundo apurado pelo Dourados News, dois deles trabalham na prefeitura e entre eles um secretário e o outro alvo de mandado de prisão seria o dono de uma auto elétrica. 

Depois de deflagrada a operação, o prefeito de Rio Brilhante, Donato Lopes da Silva (PSDB), emitiu nota afirmando estar à disposição para esclarecimento dos fatos.  

(Com informações do Dourados News)

Veja Também

Defron prende mulher com mala cheia de maconha
PF deflagra operação contra casas de apoio ao PCC
Assalto Motorista de aplicativo é salvo por falta de gasolina Vítima foi mantido refém dentro do veículo que seria levado para Moreninhas
Ex-policial é morto em estacionamento de shopping
Casal que foi preso por maus tratos a bebê responde em liberdade
Corpo encontrado na fronteira é de assaltante de banco
Jornalista e comparsa são presos após tentar extorquir prefeito
Decepcionados com Bolsonaro policiais param
Réus alegam “amnésia”