Campo Grande •18 de Janeiro de 2018  • Ano 7
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner águas guariroba - campanha dezembro

Da redação | Domingo, 23 de Outubro de 2016 - 08h33Oito veículos foram apreendidos por poluição sonoraProprietários foram multados em R$ 5 mil

Veículos foram apreendidos durante uma festa, em uma chácara na capital.
Veículos foram apreendidos durante uma festa, em uma chácara na capital. (Foto: PM divulgação)

Durante a operação “Perturbação do Sossego Alheio IV”  de combate e prevenção à poluição sonora e outras perturbações da ordem, na Capital, ocorrida na noite de ontem e madrugada de hoje (22), que envolveu, além de várias Unidades da Polícia Militar, do Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) e do Comando de Policiamento Especializado (CPE), diversos outros órgãos, tais como: Ministério Público, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, SEMADUR, Agetran, Vigilância Sanitária, os quais fiscalizaram bares, boates, conveniências e veículos, oito infratores foram autuados por poluição sonora.

Pela madrugada de ontem (22), os Policiais Militares foram a uma chácara localizada no bairro Jardim Santa Emília, onde estaria havendo um campeonato de som veicular ilegalmente. Os Foi medida com um decibelímetro a pressão de som emitida pela aparelhagem instalada em veículos, que perfez 88,4 decibéis, em local onde a legislação permite apenas 45 decibéis.

Oito veículos com as respectivas aparelhagens foram apreendidos. Os proprietários, todos residentes em Campo Grande, foram autuados administrativamente e multados pela PMA em R$ 5.000,00 cada um, perfazendo R$ 40.000,00. Eles foram conduzidos, juntamente com os veículos e as aparelhagens apreendidas, à delegacia de Polícia Civil de Pronto Atendimento (DEPAC) e responderão por crime ambiental. Os autuados poderão pegar pena de um a quatro anos de reclusão. Além disso, poderão perder as aparelhagens, que passam a ser material de crime.

A ordem do Comando da Polícia Militar de realizar operações relativas à poluição sonora é devida a essas ocorrências de perturbação do sossego, que constituem grande parte das ocorrências que chegam pelo número 190, tomarem muito tempo das viaturas operacionais dos batalhões, prejudicando o trabalho preventivo e atuações contra outros crimes. Como as penalidades ambientais, por poluição são mais restritivas, do que a contravenção penal de perturbação do sossego, essas autuações tendem a dissuadir os elementos de cometerem tais práticas.

As operações continuarão até que diminuam as ocorrências e a Polícia Militar possa dedicar-se aos trabalhos preventivos e repressivos a crimes de outras naturezas.

Veja Também
PRF e Polícia Civil apreendem 19 fuzis com sargento na Dutra
Carreta de eucalipto fica destruída após pegar fogo
Caminhonete invade residência após bater em Fiat Uno
Jovem ferido por tiro de arma de pressão já está em casa
Integrante de quadrilha que furtava casas é preso
Jovem de 18 anos é encontrado morto pelo avô em Bonito
Homem morre em hospital após ser pisoteado por búfalo
Polícia persegue e prende caçador de animais silvestres
Trio é preso por tráfico de drogas em Dourados
Quinta, 18 de Janeiro de 2018 - 09h44Motociclistas assaltam adolescente em Dourados Crime aconteceu enquanto a vítima caminhava
Square notícias UCI 2018
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
Rec banner - Patio central
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2018 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento