Menu
20 de fevereiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Campo Grande

Obreiro de igreja é indiciado por estupro de menino de 11 anos

Ele ainda é acusado de maus-tratos e ameaça

17 Jan2020Ana Lívia Tavares13h30

Foi indiciado na manhã desta sexta-feira (17), o cantor de igreja de 23 anos acusado de estuprar um menino de 11 anos, em Campo Grande. O jovem foi interrogado na Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) e vai responder por estupro de vulnerável, maus-tratos e ameaça. O celular do obreiro foi apreendido e encaminhado à Perícia.

Segundo o menino, o crime vinha acontecendo há pelo menos três anos, mas como era ameaçada, a criança relatou sobre os abusos para a família somente no mês passado quando o caso foi denunciado à polícia, em dezembro de 2019

O obreiro evangélico convivia com o menino porque além de frequentarem a mesma igreja, ele é irmão do padrasto da vítima. Em depoimento à polícia, a mãe da criança relatou que descobriu sobre o crime após o filho se recusar a ir com ela até a casa da sogra.

Veja Também

Notebook com pesquisa de preços de combstíveis é furtado do Procon
PRF apreende entorpecente com rastreador
Mulher é encontrada morta com facada no pescoço
Bandidos causam prejuízo de R$ 10 mil
Mulher morre a marteladas e namorado é principal suspeito
Polícia alerta para aumento em até 40% de veículos em rodovias de MS
Acusado de matar motorista de aplicativo passa por audiência
Ex-candidata a vereadora é suspeita de aplicar golpe de R$ 500 mil em joalheiro
Jovem foi vítima de tentativa de feminicídio e não de bala perdida
Assalto a mão armada em farmácia deixa funcionário ferido