Menu
25 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner ALMS - AUDIÊNCIA PÚBLICA
Briga de trânsito

OAB-MS acompanhará investigação sobre policial que matou no trânsito

Entidade enviou solicitação de informações e cópias do inquérito ao delegado que apura o caso

1 Jan2017Valdelice Bonifácio20h00

A Ordem dos Advogados de Mato Grosso do Sul (OAB-MS) pretende acompanhar as investigações sobre o caso do policial rodoviário federal Ricardo Hyun Su Moon, 47 anos, que matou empresário Adriano Correia do Nascimento, de 33 anos, e baleou um adolescente após uma briga de trânsito, na Avenida Enerto Geisel, em Campo Grande, na manhã do sábado passado, 31 de dezembro.

A OAB- MS enviou solicitação de informações e cópias do inquérito ao delegado João Eduardo Davanço, da 1ª Delegacia de Polícia Civil, responsável pelas investigações. “Trata-se de caso que atinge frontalmente o Estado Democrático de Direito onde um agente de segurança pública vitimou uma pessoa e atingiu outras duas, aparentemente fora de serviço e com utilização de armamento de propriedade do Governo.”icardo Hyun Su Moon está preso em uma cela do Garras e poderá passar pela audiência de custódia nesta segunda-feira, dia 2 de janeiro. Em depoimento à Polícia Civil, ele alegou legítima defesa.

“Ele percebeu que havia sinais de embriaguez e resolveu descer do carro para realizar uma abordagem, mas os indivíduos não acataram a ordem e discutiram com o policial. Na sequencia, o condutor da caminhonete partiu para cima dele, na tentativa de atropelá-lo, foi quando o policial efetuou disparos (...) Ele diz ter agido instintivamente como forma de defesa”, disse o delegado Eduardo Davanço, reproduzindo o versão do policial. 

Veja Também