Campo Grande •13 de Dezembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner ALMS - Materiais Campanha Gestão para Pessoas Sustentação

Mariel Coelho, em colaboração ao Diário Digital | Quinta, 29 de Setembro de 2016 - 17h40Mulher mata o namorado e faz fogueira para ocultar cadáverAcusada alegou ter agido em legítima defesa

  
Maria Delaídes alegou ter agido em legítima defesa. (Foto: foto: Assessoria)
  • Maria Delaídes alegou ter agido em legítima defesa.
  • (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
  • A vitima foi identificado como Luis Carlos da Silva, vulgo Mantena.

Na quarta-feira, dia 28, Maria Delaídes da Silva, foi presa em flagrante pela polícia civil de Água Clara, por homicídio e ocultação de cadáver, ocorrido na terça-feira, dia 27.

Conforme informações do Portal Água Clara, os agentes foram informados de um crime em uma chácara na zona rural de Água Clara, distante 135 km de Três Lagoas. Os polícias se deslocaram até o local e lá conversaram com a suspeita do crime, durante a abordagem os agentes notaram uma fogueira nos fundos da residência, ao verificarem notaram fragmentos de ossos com características humanas em meio ao fogo.

Em seguida, os policiais apagaram o fogo e constataram que se tratava de um cadáver que estava queimando. Os agentes apagaram o fogo e verificaram várias partes de ossos e tecido (carne). Segundo informações, uma chave foi encontrada em meio às cinzas e constataram que a mesma servia na fechadura da casa, onde foram localizados documentos que ajudaram na identificação da vítima.

De acordo com a polícia, Maria acabou confessando ter matado o namorado na noite de terça-feira, dia 27, com golpes de machado na cabeça, levou o corpo até os fundos do quintal, onde ateou fogo com lenha e gasolina, permanecendo durante a madrugada e a manhã do dia seguinte.

A autora do crime alegou ter agido em legítima defesa durante uma briga, na qual o namorado teria pegado uma faca para ameaçá-la. A vitima foi identificado como Luis Carlos da Silva, vulgo "Mantena".

O local do crime foi periciado e os instrumentos e vestígios apreendidos. A autora foi autuada em flagrante pelo crime de homicídio simples e ocultação de cadáver, e permanecerá à disposição da Justiça. 

Veja Também
PMA taxidermiza 60 animais para compor museu de Corumbá
Quarta, 13 de Dezembro de 2017 - 10h13Comerciante tem celular furtado enquanto atendia clientes Mulher registrou boletim de ocorrência
Polícia incinera mais de 15 toneladas de drogas
Quarta, 13 de Dezembro de 2017 - 07h17Embriagado, homem agride mulher em terminal Vítima foi agredida com socos e chutes e relatou que não conhece o autor
Dois mortos e um ferido em tiroteio na Capital
Jovem é acusada de agredir a própria mãe em Coxim
Grupo é preso por pesca predatória e posse de carne de jacaré
Homem que ateou fogo em mulher se entrega
Idoso morre após cair de escada em Três Lagoas
Avião com família continua desaparecido no Mato Grosso
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento