Menu
20 de janeiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Jardim

Mulher foi espancada com um porrete por marido

A residência estava com sangue em vários locais, como na geladeira, no chão da cozinha

2 Ago2019Da redação11h00

Em agosto começa a campanha “Agosto Lilás”, que comemora os 10 anos da Lei Maria da Penha, lei que surgiu da necessidade de inibir os casos de violência doméstica no Brasil.

No primeiro dia do mês de agosto (01) a polícia militar de Jardim foi acionada para que de acordo com o boletim de ocorrência atender um desentendimento familiar, chegando no local encontraram uma senhora de 53 anos caída no chão com roupa suja de sangue e ao ser perguntado o que havia acontecido, ela respondeu que seu marido de 28 anos, queria dinheiro que ela havia recebido, mas ela negou, momento que começou o desentendimento, que o marido com um porrete começou a agredi lá.

A residência estava com sangue em vários locais, como na geladeira, no chão da cozinha e próximo a pia estava um porrete também sujo de sangue, o Corpo de Bombeiros foi acionado que encaminhou a mulher ao Hospital Marechal Rondon para atendimentos médicos, sendo constatado ferimento (corte e luxações) na cabeça.

A mulher ficou em observação, na tentativa de localizar o agressor a polícia fez ronda nas proximidades.

Veja Também

Briga de trânsito leva a prisão de sucessor de Minotauro
Mãe discute com filha, ameaça sair de casa e desaparece
Mais um preso que fugiu da penitenciária de Pedro Juan é recapturado
Homem desrespeita medida protetiva e invade casa da ex-mulher
Homem embriagado tenta furtar carro da Prefeitura
Caminhão camuflado escondia contrabando de cigarro
RIO BRILHANTE Homem esfaqueia criança e recebe seis facadas nas costas da irmã da vítima O homem identificado como Valter José Souza 51anos, conhecido como “louro”, levou pelo menos seis facadas nas costas
Criança morre afogada em caixa d’água no distrito
Túnel pode ter sido fachada
Minotauro estaria entre os fugitivos