Campo Grande •24 de Setembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
ALMS - Gestão para Pessoas

Dayene Paz | Quinta, 14 de Setembro de 2017 - 11h21Justiça nega progressão de regime para padrasto acusado de esquartejar enteadoEle cumpriu dois quintos da pena e teve bom comportamento, mas não foi aprovado no exame criminológico

(Foto: Arquivo)

A Justiça negou o pedido de progressão de regime de José Aparecido Bispo da Silva, acusado de mandar matar o enteado Luiz Eduardo Martins Gonçalves, o Dudu, de apenas 10 anos de idade. O crime aconteceu no ano de 2007.

De acordo com a decisão, José passou em dois requisitos para progredir na pena, mas o juiz não acolheu o resultado do exame criminológico. De acordo com a decisão, ele cumpriu dois quintos da pena, e teve bom comportamento, mas não foi aprovado no exame, que é um tipo de exame psicológico no qual o interno passa.

Ainda, o magistrado determinou a realização de tratamento na unidade prisional, bem como a realização de novo exame criminológico, daqui seis meses, para apurar se houve alguma modificação e, por consequência, avaliar novamente a possibilidade de progressão de regime de cumprimento de pena.

O caso – José Aparecido foi preso pela morte de Luiz Eduardo. O crime aconteceu no dia 22 de dezembro de 2007, no bairro Aero Rancho. Ele brincava quando foi pego pelo vizinho Holly Lee e três adolescentes. A criança foi agredida por eles e depois levada para a casa de José, seu ex-padrasto, que continuou com a violência. Depois de levado para um terreno, ele foi espancado até a morte e enterrado. Depois, José e Holly voltaram ao local, desenterraram o corpo, cortaram em pedaços e enterraram novamente.

Uma vizinha, amiga da mãe de Dudu, teria visto o espancamento, mas nada falou sobre o caso, que demorou um ano para ser esclarecido pela polícia. O crime teria sido cometido por vingança, porque José não aceitava o fim do relacionamento com a mãe de Dudu.

Veja Também
SINAPF diz que agente atirou em legitima defesa
Agentes Penitenciários cruzam os braços por melhores condições de trabalho
Jovem morre depois de ser baleado em camarote
Soldado morre depois de leva tiro na Base Aérea
Idoso invade pista contrária e morre em colisão na BR-163
Rapaz é morto a golpes de facão em Corumbá
Pescador profissional é autuado com 84 kg de pescado ilegal
Jovem é executado com quatro tiros em Dourados
Polícia fecha ‘Disque-droga’ em Itaporã
Acusado de matar guarda municipal em Corumbá é solto
Square Noticias UCDB
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
Rec banner - Patio central
DothNews
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento