Menu
23 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Campo Grande

Imagens mostram resgate de preso no Hospital do Pênfigo

Bandidos estavam armados e, segundo funcionários, são do Paraguai

23 Set2016Valdelice Bonifácio15h40

Imagens de vídeo das câmeras de segurança do Hospital do Pênfigo, em Campo Grande, mostram o momento em que bandidos entram no estabelecimento rendem policiais militares que faziam a escolta e resgatam o traficante Mário Márcio Oliveira Santos, 31 anos, na manhã desta quinta-feira, 22 de setembro. O caso é investigado pela Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco e Resgate a Assaltos e Sequestros (Garras).

O vídeo foi divulgado hoje pela própria delegacia. Nas imagens, é possível ver a movimentação de quatro homens, todos armados. Um deles usa um fuzil e corre para uma das salas assustando uma funcionária a uma mulher que aguardava no local. As duas levantam e correm. Depois, a mulher volta e fica sentada e de cabeça baixa enquanto os bandidos concluem a ação na recepção do hospital.

A ação durou poucos minutos. Segundo funcionários do estabelecimento, os bandidos falavam em espanhol muito próximo do guarani, o que leva a crer que são do Paraguai. Ninguém foi preso até o momento.

O crime aconteceu por volta das 10h quando Mário Márcio estava no hospital aguardando uma consulta médica, após reclamar de dores na coluna. O traficante estava escoltado por dois policiais militares que foram rendidos pelos bandidos armados.

Na fuga, os bandidos usaram um veículo Corola de cor preta, placas Uberlândia (MG), que foi recuperado na região do Bairro Coophavilla II, e está recolhido no pátio do Garras. O carro tem registro de roubo.

Mário Márcio que cumpria pena no Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande teria ligações com a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

Veja Também