Campo Grande •20 de Setembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
ALMS - Gestão para Pessoas

Valdelice Bonifácio | Sexta, 30 de Dezembro de 2016 - 17h00Homem que matou esposa a tiro é preso no Jardim AnachePolícia Civil procura agora a arma utilizada no assassinato de Elisângela Aparecida

  
Edhen de Araújo Silva, de 32 anos, foi preso em flagrante pela assassinato da esposa (Foto: Reprodução/Facebook)
  • Edhen de Araújo Silva, de 32 anos,  foi preso em flagrante pela assassinato da esposa
  • Elisângela Aparecida Barbosa de Oliveira, 41, foi morta a tiro pelo marido (Foto: Reprodução/Facebook)
  • Sangue da vítima ficou espalhado pelo quardo do casal, onde Elisângela foi morta a tiro (Foto: André Bittar)

Uma equipe da 2ª Delegacia de Polícia Civil prendeu na tarde desta sexta-feira, dia 30, Edhen de Araújo Silva, de 32 anos, que matou a esposa Elisângela Aparecida Barbosa de Oliveira, 41, a tiro durante uma discussão dentro da residência do casal, no Bairro Vida Nova, em Campo Grande, na noite de quinta-feira, 29.

Conforme o delegado titular da 2ª DP Weber Luciano de Medeiros, Edhen estava escondido em uma residência no Jardim Anache. Quando percebeu a chegada dos policiais, o suspeito tentou fugir, mas foi capturado a tempo. A polícia agora procura a arma do crime.

Ainda de acordo com o delegado, Edhen não nega a autoria do homicídio, mas afirma que não prendia matar a esposa durante a discussão. “Ele disse que atirou sem querer”, relatou o delegado. Edhen será encaminhado para a 2ª Delegacia de Polícia e autuado em flagrante pelo crime.

O crime aconteceu por volta das 22h30 da quinta-feira. O casal discutiu no quarto, após o marido ter se aborrecido pelo fato de Elisângela estar no computador. Ela ouvia uma música gospel, mas ele suspeitava que a mulher, na verdade, estivesse conversando com outras pessoas. No calor da discussão, Edhen agrediu a esposa e atirou nela, atingindo-lhe no pescoço.

Ele ainda tentou socorrê-la levando-a para uma unidade de saúde no Bairro Nova Bahia, mas Elisangela não resistiu e faleceu. A vítima deixa três filhos e três netos.

Veja Também
Ambulante é executado com tiros de fuzil e pistola
Inveja seria motivo de agressão em escola
Identificado turista que agride sucuri
Quarta, 20 de Setembro de 2017 - 06h59Após acidente policia encontra traficante Denar já estava monitorando o autor por dois meses
Homem é preso em flagrante por pedofilia em ponta porã
Polícia encontra ossada em plantação de eucalipto em Navirai
Carreta desgovernada provoca acidente com dois mortos
Presença de usuários de drogas afasta clientes na Orla
Associação comercial ganha apoio de três deputados contra lei
PM é detido ao comprar veículo roubado
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
Rec banner - Patio central
DothShop
DothNews
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento