Menu
2 de junho de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Estupro

Homem é acusado de estuprar duas mulheres na BR-163 na Capital

Vítimas foram arrastadas para o acostamento da rodovia e estupradas; Acusado foi preso 3 dias depois dos crimes

30 Mar2020Da redação14h31

Investigadores do GOI (Grupo de Operações e Investigações) da Polícia Civil, em apoio a DEAM (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) prenderam no último dia 26 de março, um homem de 25 anos acusado de estupro. O caso foi divulgado nesta segunda-feira (30). O rapaz atacou duas mulheres na mesma noite, na BR-163, em Campo Grande.

Segundo a polícia, ele trabalhava em uma firma na BR-163, próxima ao anel viário e no dia 23 de março, após sair do serviço, o homem ficou à margem da rodovia à espera das vítimas. Por volta das 19h, uma mulher de 39 anos, que também trabalhava em uma empresa na região, ao passar pelo local foi abordada pelo autor o qual a arrastou para o acostamento da rodovia e cometeu o estupro.

Depois de fazer a primeira vítima, o rapaz deixou o local, mas continuou pela região da rodovia. Duas horas mais tarde,  ele atacou uma mulher de 28 anos, ainda na BR-163, da mesma maneira, arrastando a vítima para o matagal.

A vítima conseguiu se desvencilhar e saiu correndo pela rodovia pedindo socorro, momento em que passava um carro pelo local, o condutor chegou a diminuir a velocidade, porém não parou, mas o autor fugir.

Após conseguir as características do jovem e as características da moto que ele estava, os Investigadores do GOI conseguiram identificar, localizar e prender o autor, sendo o mesmo apresentado a DEAM.

Veja Também

Mae é suspeita de estuprar filha de 6 anos
Barulho de rádio-comunicador entrega traficante durante abordagem da PRF
Delegado acusado de furtar cocaína volta para prisão
Suspeito de matar idoso é preso dois anos após o crime
Polícia Civil reconstitui duplo homicídio
Homem tenta matar esposa em Costa Rica
Junho começa com redução de flagrantes
Caminhão pega fogo na MS-276
Mapa mostra que 77% dos feminicídios acontecem dentro de casa
Homem morre em troca de tiros com o Bope