Campo Grande •25 de Novembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner Governo - Refis

Elaine Silva e Natali Malulei- Especial para o DD | Segunda, 17 de Julho de 2017 - 10h19Homem coloca fogo em casa de ex-mulher após separaçãoAutor já tinha outros registros por ameaça e agressão contra a sua avó

  
(Foto: Luciano Muta)
  • (Foto:Luciano Muta)
  • (Foto:Luciano Muta)
  • (Foto:Luciano Muta)
  • (Foto:Luciano Muta)
  • (Foto:Luciano Muta)
  • (Foto:Luciano Muta)
  • (Foto:Luciano Muta)
  • (Foto:Luciano Muta)

Um homem de 20 anos, incendiou a casa da ex-mulher, nessa manhã (17), por volta das 6 horas, no bairro Santa Luzia, em Campo Grande. A mulher de 23 anos, que preferiu não se identificar, e a filha do casal de um ano e três meses, não estava em casa no momento do crime.

A vítima contou que o casal ficou juntos por cerca de cinco anos, porém era um relacionamento conturbado, com vários registros de violência doméstica, sendo que há três meses a vítima decidiu voltar, mas a cinco dias ocorreu uma nova separação por ele estar usando drogas perto da filha do casal.  

“Ele sempre falava que nunca ia aceitar o termino, se eu não ficasse com ele, não ia ficar com outra pessoa também. Da última vez eu pedi para ele sair de casa, por que estava usando droga e minha filha estava presenciando isso, eu falei para ele sair que não queria que ele ficasse aqui e ele falou que não aceitaria”, relata a vítima.

Segundo relatos da vítima devido as ameaças a jovem pediu uma medida protetiva e não estava mais ficando na residência, por conta de que todo dia durante a madrugada o autor chegava e ficava gritando. “Hoje ele veio já com a intenção, os familiares dele já estavam avisando pedindo para tomar cuidado que ele poderia fazer alguma coisa. Ele falou para avó dele que iria fazer alguma coisa e depois se matar”, conta a jovem.

O autor já tem passagens pela polícia e a avó dele também possui uma medida. A ex-mulher relatou que da última vez ele foi preso por ter descumprido a ordem. O autor ainda continua foragido, mas já tem sua prisão decretada. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Atendimento á Mulher (Deam).

A um tempo – “ A violência era frequente uma vez ele tentou me matar, mas acabou cortando o meu pé. Ele ficou desesperado quando viu o sangue e eu gritando. Com medo de aparecer a polícia ele me mandou calar a boca. Eu fui socorrida, passei por uma cirurgia e fiquei um tempo internada”, conta a vítima. 

Veja Também
Lutador que matou Brunão pega 17 anos de prisão
Interno tenta matar outro dentro de presídio de Dourados
Homem morre prensado por carro em Três Lagoas
Pecuarista é autuado por exploração e uso de madeira protegida
Mulher é presa após sequestrar bebê de sete meses
Filha é suspeita de matar mãe e padrasto em Corumbá
Interno encontrado morto em Unei teria estuprado criança de 6 anos
Sexta, 24 de Novembro de 2017 - 11h10Homem de 50 anos morre em disputa por estabelecimento comercial Aldo Jorge Araújo de Oliveira foi atingido por pelo menos dois disparos de arma de fogo
PF realiza busca em agência turismo
Sexta, 24 de Novembro de 2017 - 07h36Dupla que planejava roubos é presa Autores estavam rondando a cidade em busca de vítimas
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento