Menu
20 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Polícia

Funcionário de fazenda é preso com arma de fogo e munições ilegais

Pena para esse crime é de dois a quatro anos de prisão

18 Ago2017Da redação16h00

Durante fiscalização em uma estrada vicinal na zona rural do município de Caracol, a 20 km da cidade, pela Operação Ágata, em apoio ao Exército Brasileiro, Policiais Militares Ambientais de Bela Vista prenderam hoje (17) um capataz de uma fazenda da região por porte ilegal de arma e munições.

O infrator (58) estava com um revólver marca Custer, Argentino, calibre 22, na cintura com 9 munições. A arma e as munições não possuíam documentação e foram apreendidas. O infrator, residente em Caracol, recebeu voz de prisão e foi encaminhado, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Caracola, onde ele foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma. A pena para esse crime é de dois a quatro anos de prisão.

 

Veja Também