Menu
26 de agosto de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Polícia Civil

Foragido há quase 5 anos é preso

Após matar asfixiado o estudante Micael Pereira, 17 anos, jovem teve a prisão decretada em 2014

15 Ago2019Da redação16h37

Investigadores da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande, prenderam no final da tarde desta quarta-feira, 14 de agosto Jeferson Candido Pio, 22 anos, acusado de matar um adolescente de 17 anos na Aldeia Bananal, em Aquidauana, que estava foragido há quase 5 anos.

Conforme a Polícia Civil, Jeferson teve a prisão decretada pelo Judiciário de Aquidauana em 2014, após matar asfixiado o estudante Micael Pereira, 17 anos, em 13 de outubro de 2014.

O corpo do estudante foi localizado em um matagal no distrito de Taunay, dois dias após o crime. Durante as investigações da Polícia Civil descobriu que Jeferson, que era vizinho da vítima, cometeu o crime durante um desentendimento ocorrido no retorno de um baile na Aldeia Branca, onde foi com Micael e um primo dele, que à época tinha 14 anos.

O acusado foi interrogado na 1ª Delegacia de Aquidauana e disse que na festa houve um desentendimento entre Micael e o primo. Quando retornavam para a Aldeia Bananal por um trieiro, os três acabaram discutindo e o adolescente agrediu a vítima com socos e pontapés, até ele ficar desacordado. Na sequencia, ele (Jeferson) asfixiou o estudante.

Como o crime foi esclarecido após o flagrante, o acusado foi liberado para responder ao processo em liberdade e fugiu após ter a prisão preventiva decretada pela Vara Criminal de Aquidauana.

Nesta quarta-feira, investigadores da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande conseguiram localizar e prender Jeferson, que estava escondido no Jardim Noroeste. Ele foi encaminhado à Depac Centro, onde foi dado cumprimento ao mandado de prisão e permanece à disposição da Justiça.

(Com informações da Assessoria de Imprensa da Polícia Civil)

Veja Também