Menu
25 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Governo do Estado - Gestão por Competência
Campo Grande

Energisa flagra restaurante no centro furtando energia

Proprietário não estava no estabelecimento no momento do flagrante

6 Jul2017Dayene Paz11h34

A empresa concessionária de energia elétrica em Mato Grosso do Sul, a Energisa, flagrou, na manhã desta quinta-feira, 06, um restaurante na região central de Campo Grande, furtando energia elétrica.

A perícia da Polícia Civil esteve no local e constatou o furto. O proprietário não estava no estabelecimento no momento do flagrante.

De acordo com as informações, o estabelecimento estava utilizando 1000 kw a menos do que utilizava no local.

Na quarta-feira, dia 4, uma ação da Energisa desativou 250 ligações clandestinas de energia elétrica, no local conhecido como Portelinha, no Bairro Morada Verde. A ação teve a ajuda das Polícias Civil e Militar.

Conforme a Energisa, a perda comercial (não técnica) anual para a empresa com os furtos de energia corresponde a 221 gigawatts (GWh). O consumo médio mensal de energia elétrica de um imóvel irregular (barraco) é de 150 KWh.

Em nota encaminhada à imprensa, a concessionária lembra que furto de energia é crime previsto no Código Penal, com pena de um a quatro anos de prisão, mais multa. Quem furta energia, está contribuindo para um acréscimo na conta de energia de todos, afinal, todos pagam pela energia furtada.

Para denunciar o furto de energia, basta entrar em contato com a Energisa pelo 0800 722 7272. 

Veja Também