Menu
21 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner ALMS - AUDIÊNCIA PÚBLICA
Estoque

Maconha é para o ano todo, diz traficante

Traficantes são antigos conhecidos da policia e esatavam com 11 kg

26 Mai2017Elaine Silva - Especial para Diário Digital09h26
Delegado João Carlos Sartori (Foto:Luciano Muta)
  • Traficantes já são conhecidos da polícia
  • Delegado João Carlos Sartori (Foto:Luciano Muta)
  • Objetos apreendidos (Foto:Luciano Muta)

"Eu sou usuário essa droga era para meu consumo, para o ano todo", afirma  Jazão Ferreira da Silva, de 58 anos, preso por trafico junto com seu irmão  Aluízio Ferreira da Silva, de 59 anos e o cunhado de Aluízio, Raimundo Pereira, de 39 anos, na última quarta-feira (24), no Jardim Botafogo, em Campo Grande, com 11 kg de maconha escondidas no telhado.

Segundo o delegado da Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (Denar) João Paulo Sartori, por meio de uma denúncia anônima, foi encontrado os traficantes que estariam com cerca de 200kg de maconha na residência, porém só foram encontrados 11 kg. “Eles pegam a droga na fronteira e distribuía para outras capitais, por conta disso possivelmente os  189 kg não encontrados já foram distribuídos”, afirma o delegado.

Os autores já tem passagem por tráfico, sendo que Aluízio e Jazão, já foram presos  em presídios na Capital e Raimundo no Estado do Maranhão. Na casa da filha de Jazão, foram encontrados revólver calibre 22, além de munições. “A filha será indiciada, mas possivelmente responderá o processo em liberdade”, relata o delegado. A droga é oriunda da Fronteira, sendo que o quilo é vendido em torno de R$ 300 á R$ 400 reais. 

Veja Também