Menu
1 de abril de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Dourados

“Ele queria fazer amor por trás”, diz mulher presa após matar marido com facada no peito

A mulher disse que Valdeir passou a ficar agressivo e queria a obrigar manter relações sexuais por trás

24 Fev2020Da redação07h10

Valdeir Barbosa de Souza, de 29 anos, morreu na manhã deste domingo (23) em Dourados, depois de ser agredido com uma facada no peito. Roseli Aquino, de 37 anos, foi presa e confessou à polícia que matou o marido. O casal é morador de um assentamento indígena localizado às margens da BR-163, imediações da Mudas MS.

Segundo o  Site Ligado na Notícia, n eles tomavam bebida alcoólica com outras pessoas. A mulher disse que Valdeir passou a ficar agressivo e queria a obrigar manter relações sexuais por trás.

Diante da negativa, da forma e da insistência como exigia o companheiro, Roseli contou que se apossou de uma faca e para se defender o golpeou no peito. Ela contou para a polícia que o marido queria fazer amor por trás.

A mulher disse ainda que acreditava que a perfuração teria sido superficial e foi deitar-se numa rede. Já por volta das 16h, um outro morador do assentamento foi até o local e constatou que Valdeir estava sem vida. A Polícia Civil foi chamada e prendeu a mulher. 

Veja Também

Adolescentes de 15 e 17 anos teriam furtado R$ 10 mil em loja
Jovem bêbada e sem habilitação bate em portão da vizinha
Loja do centro é furtada duas vezes em 14 dias
Adolescente rouba bicicleta de criança e é detido por moradores
Briga termina com homem esfaqueado dentro de casa
Ladrões furtam residência na Capital e levam até geladeira
Mulher com 25 passagens é presa por ameaçar matar a mãe
Homem que estava evadido é preso após cometer furto
Dupla arromba restaurante para furtar doces e R$ 80 em moedas
Polícia procura suspeito de estuprar sobrinhas de 6 e 8 anos