Menu
13 de novembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner - AL/MS - Campanha Mudanças
Roubo a banco

Dupla de ladrões é descoberta e presa pelo Garras

Bandidos saíram do Estado de São Paulo para praticar furtos em MS

8 Nov2018Luany Mônaco - Especial para o Diário Digital16h59
Caso foi apresentado pelo Delegado João Paulo Sartori (Foto: Marco Miatelo)
  • Em ordem estão Luiz Alberto e Steve Davis
  • Caso foi apresentado pelo Delegado João Paulo Sartori (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)

Dois ladrões especialistas em furtos a agências bancárias foram apresentados na tarde desta quinta-feira (08) pela Polícia Civil de Campo Grande.  Eles vieram do estado de São Paulo para praticar as ações e conseguiram roubar uma quantia de R$ 109 mil de Municípios do Mato Grosso do Sul. Ainda há a suspeita de que os criminosos sejam responsáveis por outro ataque bancário semelhante aos que foram descobertos.

Luiz Alberto de Almeida Santos Júnior, de 26 anos, e Steve Davis de Andrade, de 31 anos, vieram para o MS no mês de maio e fizeram o furto de R$ 22 mil em uma agência bancária localizada na Avenida Afonso Pena, na Capital do Estado. Depois deste fato a associação criminosa retornou ao Estado no mês de Julho e roubou na mesma agência da Campo Grande a quantia de R$ 42 mil, no mesmo período o grupo se deslocou até a cidade de Dourados e lá apanharam mais R$ 45 mil utilizando a mesma tática.

Os bandidos furtavam os caixas eletrônicos das agências durante a madrugada. Eles quebravam grande parte dos terminais de autoatendimento (o que ajudava na concentração de dinheiro em caixas específicos) aguardavam alguns dias para o acúmulo de envelopes e retornavam para fazer o “resgate” do que havia sido juntado nos terminais. O compartimento onde eram inseridos os envelopes era arrombado, e o dinheiro retirado com o auxílio de uma haste metálica.

A ação acontecia sempre em dias próximos aos finais de semana, já que com a chegada do Sábado e do Domingo os envelopes ficariam armazenados nos caixas e seriam retirados apenas na próxima segunda-feira da semana.

Quem fez a prisão dos bandidos foi a Equipe do Garras (Grupo Armado de Resgate e Repressão a Assaltos e Sequestros) da Capital. Eles saíram do MS no último sábado (03) a caminho do Estado de São Paulo e lá, na segunda-feira (05), conseguiram prender os meliantes. Cristiano Carvalho de Souza Silva também é acusado de participar dos roubos e está foragido.

A polícia não descarta a hipótese de que o bando criminoso tenha sido responsável por um ataque parecido acontecido na cidade de Três Lagoas. O envolvimento de outras pessoas no crime também não é desconsiderado.

Veja Também