Menu
15 de novembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Pátio Central - Natal
Polícia Rodoviária Ambiental

Divulgado balanço semestral de apreensões

Mato Grosso do Sul teve aumento de 80% na apreensão de cocaína

12 Jul2018Da redação18h42

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), divulgou o balanço semestral das apreensões do Estado de Mato Grosso do Sul. Houve um aumento nas apreensões em armas, munições, cigarros e cocaína. Este trabalho é realizado em virtude da Operação Égide, que vem intensificando o combate à criminalidade na região de fronteira desde julho de 2017.

As apreensões de cigarros contrabandeados do Paraguai aumentaram significativamente, em 2017 foram 19.202.940 maços, e esse ano já atingiu 26.398.490 um aumento de 37%. A apreensão total de drogas no primeiro semestre de 2018 caiu em 17,7% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram apreendidos 104.926 kg do entorpecente. A Cocaína foi o ilícito que teve um aumento mais de 80%. Em 2017 foram 1.240 kg e 2.235 kg em 2018, ocasionado pela apreensão recorde no Estado de 889 kg em Água Clara/MS.

As apreensões de armas obtiveram um crescimento de 35%, nesse ano foram 42 armas apreendidas e no mesmo período do ano passado, foram 31. Já as munições aumentaram em mais de cinco vezes, cerca de 373%, em 2017 foram 3.957 unidades e em 2018 foram 18.749 unidades. As munições apreendidas eram dos mais variados calibres.

A PRF recuperou 252 veículos em 2017 e 263 nesse ano. Um aumento de 4,3%. O número de pessoas presas reduziu em 14,5%. De janeiro a junho de 2017 foram 1.337 pessoas detidas pela PRF e no mesmo período deste ano foram 1.143.

O resultado do aumento de cocaína foi resultado da apreensão de 889 kg da droga, ocorrido no dia 22 de março, em Água Clara/MS. 

Veja Também