Menu
18 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Feminicídio

Vítima de namorado ciumento é sepultada

Jovem teria sido morta a golpes de tesoura por ex-presidiário

17 Set2017Laureano Secundo06h59

A Polícia Civil já solicitou a prisão do suspeito de assassinar a jogadora de handebol Mayara Fontoura Holsback de 18 anos identificado com sendo o ex-namorado de Mayara conhecido como 'Robinho', 34 anos.  O crime aconteceu na madrugada deste sábado (16), em Campo Grande, e equipes da Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) realizam buscas. O velório da vítima deve ter início às 17h30, na Pax São João Batista sendo que o sepultamento foi realizado na manhã deste domingo.

Mayara Fontoura Holsback, 18 anos, morta com golpes de objeto cortante na própria cama. Essa é a cena encontrada pela Polícia Civil de Campo Grande na madrugada de sábado (16), ligada a um caso que tem como principal suspeito o ex-namorado da jovem, indício de um possível feminicídio.

Ademir de Souza Holsback, 43, é o pai de Mayara. Aparentando revelou que o relacionamento da filha com o ex-namorado foi marcado pelo ciúme. "Ela morava com ele, e quando ele foi preso ela foi ficar com o irmão para não ficar sozinha”, afirmou . O suspeito teria saído da prisão na quinta-feira (14)., após ter permanecido preso durante dois anos. 

Veja Também