Menu
6 de junho de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Flagrante

Casal é preso vendendo medicamentos controlados sem receita médica

Policiais da Denar flagraram o momento em que fariam a entrega no estacionamento de um mercado

21 Mai2020Da redação11h41

Apurando denúncias anônimas que apontavam uma mulher como fornecedora de medicamentos controlados sem receituário, equipes da Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico - Denar prenderam um casal em flagrante.  Ela que tem a idade de 49 anos e o homem, 58 anos, estavam em uma motocicleta a caminho de uma entrega no estacionamento de um mercado no Jardim Parati.  Os policiais apreenderam remédios de venda controlada como sibutramina, fluoxetina e anfepramona.

Esses medicamentos possuem controle especial e estão arrolados na Portaria nº 344/98 da Secretaria de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde, se tratando de Crime contra a Saúde Pública a venda dos mesmos sem o devido receituário.

Os envolvidos foram autuados pelos crimes de Falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais, que possui pena de 10 a 15 anos de reclusão e Exercício ilegal da medicina, arte dentária ou farmacêutica, que possui pena de 6 meses a 2 anos de detenção.

A Polícia Civil/Denar alerta à população que tais medicamentos sem origem comprovada e sem orientação médica adequada podem causar severos prejuízos físicos e psicológicos, muitas vezes irreparáveis.

Veja Também