Menu
24 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Fronteira

Brasileiro tem terras queimadas por “sem terras” no Paraguai

Ações dos sem terras tem assustados os agricultores e pecuaristas da região

23 Jul2017Da redação15h45

Um brasileiro teve suas terras incendiadas por “sem terras” na região de Capitão Bado na fronteira com o estado do Mato Grosso do Sul.

Ação teve inicio no sábado (21) e neste domingo (22) na colônia Carapaí no departamento de Amambaí na fronteira com o estado do Mato Grosso do Sul, o brasileiro Jefferson Benardi, que tem uma fazenda teve que lutar para apagar um incêndio criminoso realizado pelos sem terra que ocuparam as proximidades da fazenda e que ainda pretendem invadir a sede.

Fazendeiro disse que o custo do incêndio causado nas suas terras é milionário e que o governo não oferece nenhuma garantia aos brasileiros que se investiram na região, já eles se mantêm de braços cruzados diante das ações dos sem terras no Paraguai.

Empresários brasileiros que foram para a região após o convite do governador Pedro Gonzalez (PLRA) dizendo que a região era uma terra de oportunidades. E que hoje vários dos empresários que foram para a região tiveram que fechar as portas e voltar para o Brasil, tendo que deixar seus maquinários no estado de Amambaí de onde não puderam retirar.

A ação dos sem terras tem assustados agricultores e pecuaristas. Segundo informações, os sem terras com as ações iniciadas no sábado e que continuaram neste domingo, estariam buscando provocar o brasileiro possa perder os seus direitos “adquiridos” no Paraguai.

Veja Também