Menu
18 de julho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Super Banner Campo Grande Expo
Interior

Bebê morre carbonizado após incêndio em fazenda

Suspeita é que incêndio tenha sido causado por um curto-circuito

10 Ago2017Mariel Coelho, em especial para o Diário Digital.14h00

Um bebê de 9 meses morreu carbonizado na noite de quarta-feira (09) enquanto dormia em uma fazenda no pantanal. A polícia suspeita que o incêndio possa ter sido causado por um curto-circuito em um carregador.

De acordo com o site Edição MS, a criança morava com os pais em uma casa de funcionários da fazenda Santa Maria do Paraguai, a 110 km de Coxim. A suspeita é que o incêndio tenha se iniciado após um curto-circuito em um carregador que estava em uma tomada próxima ao berço da criança.

Os pais de 24 e 20 anos, estavam em estado de choque. O caso será tratado pelas autoridades como acidental, somente o laudo da perícia poderá confirmar as causas do incêndio.

O corpo do menino foi encaminhado para Coxim, onde passará por um exame de necropsia nesta quinta-feira, dia 10 de agosto.

Um bebê de 9 meses morreu carbonizado na noite de quarta-feira (09) enquanto dormia em uma fazenda no pantanal. A polícia suspeita que o incêndio possa ter sido causado por um curto-circuito em um carregador.

De acordo com o site Edição MS, a criança morava com os pais em uma casa de funcionários da fazenda Santa Maria do Paraguai, a 110 km de Coxim. A suspeita é que o incêndio tenha se iniciado após um curto-circuito em um carregador que estava em uma tomada próxima ao berço da criança.

Os pais de 24 e 20 anos, estavam em estado de choque. O caso será tratado pelas autoridades como acidental, somente o laudo da perícia poderá confirmar as causas do incêndio.

O corpo do menino foi encaminhado para Coxim, onde passará por um exame de necropsia nesta quinta-feira, dia 10 de agosto.

Veja Também