Menu
25 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Governo do Estado - Gestão por Competência
Três lagoas

Agente é preso ao tentar entregar celular a detento

Flagrante da PF aconteceu no Presídio de Segurança Média de Três Lagoas

2 Jun2017Da redação17h00
(Foto: Divulgação/PF)
  • Agete foi ouvido e responderá o processo em liberdade.
  • (Foto: Divulgação/PF)

A Polícia Federal de Três Lagoas prendeu em flagrante nesta sexta-feira (2) um agente penitenciário do Presídio de Segurança Média de Três Lagoas, entrando no presídio com um aparelho celular e dois chips que seriam entregues a um detento.

Investigações começaram após o recebimento de informações de que o agente de 43 anos estaria recebendo dinheiro de familiares e comparsas de presos para entrar na penitenciária com celulares e chips.

O agente foi preso no momento em que se preparava para iniciar seu turno de trabalho, ele foi abordado pelos policiais federais e durante revista foi encontrado, na jaqueta do agente, um smartphone desligado, um carregador, um fone de ouvido e dois chips para celular.

Ao ser questionado sobre o aparelho e os chips, a agente optou por ficar em silêncio. Ele responderá pelo crime de introdução de aparelho celular em estabelecimento prisional, cuja pena pode chegar a um ano de prisão. Por se tratar de crime de menor potencial ofensivo e o agente ter se comprometido em comparecer à Justiça sempre que for solicitado, ele foi solto após interrogatório e responderá em liberdade.

Veja Também