Menu
11 de dezembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Injustiça

Acusado de matar motorista de APP está solto

Igor Cesar foi visto solicitando corrida de aplicativo

23 Out2019Da redação11h35

Igor Cesar de Oliveira,  acusado de matar o motorista de aplicativo Rafael Baron em maio desse ano, foi solto por decisão jusicial. De acordo com as informações preliminares. ele responde pelo crime em liberdade desde do último dia 16 de outubro.

Uma manifestação está sendo realizada nesse manhã em frente ao camelódromo de Campo Grande. A família de Rafael pede por justiça. Motoristas de aplicativos  também estão reunidos no ato público.

Conforme apurado pela nossa reportagem Igor Cesar foi visto solicitando uma corrida de aplicativo. “ Em um grupo de conversas descobriu que o acusado de matar o motorista Rafael Baron está solto e a qualquer momento pode fazer mais uma vítima é lamentável ”, desabafa um motorista de APP.

Relembre o caso - Rafael Baron de 24 anos foi morto por um homem ao chegar no condomínio residencial no Jardim campo Nobre, a vítima era motorista de aplicativo e morreu após levar dois tiros que atingiram o pescoço e braço. Conforme informações do boletim de ocorrência, assim que Rafael Baron chegou no condomínio em um carro Gol, foi abordado por um homem moreno que vestia calça e casaco. Suspeito efetuou dois disparos de arma de fogo atingindo a vítima que não chegou a descer do carro. Não há informações se a vítima foi chamada pelo próprio autor para uma corrida. A carteira com documentos pessoais da vítima não foi encontrada, a Polícia acredita que possa ter sido levada pelo autor. No local não tem câmeras de segurança em funcionamento. O caso foi registrado como roubo majorado, se da violência resulta morte na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga.  

 

Veja Também