Menu
7 de junho de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Flexibilização

Ponta Porã tem comércio liberado

Novo decreto da Prefeitura coloca fim à quarentena de forma parcial

31 Mar2020Da Redação10h40

A Prefeitura de Ponta Porã decidiu flexibilizar o funcionamento das atividades comerciais. O novo decreto põe fim a quarentena de forma parcial e estabelece horário de funcionamento das 9h às 16 horas. Segundo a medida, o toque de recolher continua em vigor das 20 horas até  4 horas da madrugada seguinte.

A decisão, tomada pelo prefeito Helio Peluffo Filho, após reunião com comerciantes, foi publicada em edição extra do Diário Oficial do Município. Segundo o gestor municipal  foi levado em conta  “a necessidade de retomar as atividades econômicas, manter empregos e renda, reivindicação da classe empresarial com apoio de dois terços da população”.

Conforme a prefeitura, a medida será válida mediante o “cumprimento rigoroso de protocolos de segurança sanitária, emitidos pela Secretaria e Ministério da Saúde, que serão permanentemente fiscalizados”.

Segundo o decreto, o funcionamento de restaurantes, conveniências, lanchonetes, cafés, padarias e estabelecimentos congêneres poderá ser feito no próprio estabelecimento, desde que mantido um espaçamento mínimo de dois metros entre as mesas.

Os salões de beleza, centros de estética, esmaltarias, barbearias, “spas” e estabelecimentos congêneres, poderão atender somente mediante agendamento prévio, com restrição de público no seu interior, evitando filas de espera e aglomerações.

Já as obras de construção civil ficam limitadas à mão de obra de, no máximo, 10 trabalhadores, sob pena de cassação do alvará de construção e demais penalidades.

A decisão da prefeitura tomou em consideração que, a maiorias das amostras colhidas de suspeitos de Covid-19 em Ponta Porã deram negativas. O município tem uma pessoa infectada pela doença e o vírus foi contraído na Itália.

 

Veja Também