Menu
22 de agosto de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
MS Record

Série dos 120 anos é superprodução de TV

Programa que encerrará homenagens a Campo Grande tem roda de músicos gravada em local histórico

11 Ago2019Valdelice Bonifácio10h10
(Foto: Marco Miatelo)
  • Gravação de programa especial em local histórico mobilizou numerosa equipe neste fim de semana
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)

A TV MS Record mobilizou uma superprodução para as reportagens da série comemorativa aos 120 anos de Campo Grande. As matérias estão sendo veiculadas desde o mês de Junho e retratam localidades e personalidades significativas para a história da cidade.

Foram temas das matérias o Mercado Municipal, Hospital São Julião, Educandário Getúlio Vargas, Morada dos Baís, Museu da Medicina, Glauce Rocha entre outras. Todas têm profunda pesquisa histórica e grande qualidade visual.

Neste fim de semana, foi gravado o programa 'Orgulho de ser campo-grandense' que fechará a exibição da série especial. Uma roda de músicos, com grandes nomes da cultura sul-mato-grossense como Amambay, Castelo e Aurélio Miranda, foi montada especialmente para as filmagens. Juntos, os músicos fizeram uma verdadeira celebração ao Chamamé.

O cenário foi histórica a rotunda de manutenção da Esplanada Ferroviária, construção semicircular, de 1951. A preparação para as filmagens começou logo cedo neste sábado, 10 de Agosto, mobilizando dezenas de profissionais como técnicos, cinegrafistas, auxiliares, operadores de áudio, jornalistas, maquiadores, copeiros, pessoal do apoio e outros.

As gravações ocorreram ao longo de um dia inteiro na Esplanada.  O programa vai ao ar no dia 26 de Agosto, data do aniversário da cidade, encerrando a exibição de matérias especiais. A série é composta por 12 episódios produzidos e filmados ao longo de meses.

"Estamos nos sentindo muito honrados por esse grande projeto que teve o apoio da direção da Rede MS. Cumprimos nosso objetivo de mostrar lugares e pessoas que deixaram legado para Campo Grande. A Estação Ferroviária foi o palco do programa por ter sido um lugar responsável pelo crescimento da cidade. O Chamamé, vindo da Argentina, se transformou aqui na cidade e ganhou um novo dedilhar. É um ritmo que embala todo campo-grandense, por isso o escolhemos para fechar este trabalho”, explica a jornalista Ellen Genaro, diretora de projetos especiais da TV MS Record e responsável pela série dos 120 anos.

As reportagens especiais estão sendo veiculadas nos programas da TV MS Record Balanço Geral MS (A partir das 10h50) e Cidade Alerta MS (A partir das 17h). Vale mencionar que todas as matérias já exibidas na televisão podem ser revistas no canal de vídeos do Diário Digital.

Veja Também

Balanço Geral MS aposta em jornalismo comunitário e atinge recorde de interatividade
Balanço Geral MS bate recorde de interatividade com novo formato
Balanço Geral MS estreia com novidades e recorde de interação
Na Capital, 47% são devedores, mas prefeito não quer negativar
Rodrigão em dose dupla na TV MS Record
Diário Digital cria plataforma social 100% regional
Estreia de 'O Inquérito' com Odilon faz audiência explodir
Cidade Alerta MS estreia nova temporada de 'O Inquérito'
Desafio do cofre movimenta 1,5 milhão de mensagens
BG Tá Na Rua faz pulsar forte o Nova Lima