Menu
21 de fevereiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Retrospectiva

Em 2019, protesto por ônibus teve repressão

Passageiros obstruíram saída dos ônibus em protesto à demora de coletivo no feriado da Proclamação

31 Dez2019Da redação07h00

Em 2019, um protesto contra a demora dos ônibus gerou repressão por parte de guardas municipais contra os manifestantes. O caso ainda demanda apurações por parte do poder público.

O fato aconteceu no feriado de 15 de Novembro, no Terminal de Transbordo Morenão, em Campo Grande. Um grupo de passageiros, sendo a maioria mulheres, obstruiu a passagem dos ônibus em protesto à demora do coletivo da linha 072.

A Guarda Municipal foi acionada e lançou spray de pimenta contra os manifestantes. Imagens da atitude repressiva geraram polêmicas e mobilizaram órgãos como a Defensoria Pública que se ofereceu para atender as vítimas em eventuais ações contra a Guarda Municipal.

No dia seguinte aos fatos, a prefeitura emitiu nota dizendo que o ônibus sofreu pane e que por isso parou de circular. Assim, houve atraso até que fosse feita a substituição do veículo.

O Município informou ainda que abriria investigações para apurar o ocorrido. Os guardas municipais que atuaram na ação foram afastados das ruas até a conclusão do procedimento disciplinar para apurar eventuais excessos.

Veja Também

‘Caipivara’ estreia no Balanço Geral MS
TVMS Record inova no formato publicitário para anunciantes de Dourados
Invasão misteriosa tira Cidade Alerta MS do ar
Blitz do Rodrigão vai ao Caiçara no sábado
Rede MS celebra Dia dos Publicitários com folia
Diário de Influência inova comunicação digital
Em 2019, crianças e mulheres foram vítimas de crimes brutais
Em 2019, 14 de Julho foi transformada
Em 2019, DD foi o site mais premiado pela 2ª vez
Em 2019, Omertà desmantelou milícia