Menu
23 de agosto de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Reviva Centro

Trecho da Maracaju ficará sem energia elétrica na tarde de sábado

Desligamento faz parte da adequação de insfraestrutura do Centro

19 Jul2019Da redação20h05

O Programa Reviva Campo Grande dá mais um passo importante para a finalização da obra de requalificação da Rua 14 de Julho, e determinante para manter o cronograma e entregar a via em novembro de 2019, pronta para as festas de final de ano.

Neste sábado (20), a Energisa estará trabalhando, das 12h às 18h, na Rua Maracaju, entre a Rua 13 de Maio e a Rua 14 de Julho para adequar a infraestrutura que vai resultar na retirada dos postes de iluminação e da fiação aérea da Rua 14 de Julho, dando lugar a um ambiente mais limpo e bonito. No domingo (21), uma outra grande intervenção com o mesmo fim será feita na Avenida Fernando Corrêa da Costa.

Os trabalhos de sábado fazem parte dos preparativos para a conversão das redes aéreas para subterrânea. Neste trecho em específico, onde a rede aérea cruza a Rua 14 em subterrâneo, as atividades são para inversão da fonte de alimentação da rede, que passará a ser feita pela Rua 13 de maio.

A operação faz parte do desligamento programado, realizado pela concessionária para viabilizar manutenções e melhorias na rede de distribuição. De acordo com a Energisa, os clientes que seriam impactados pela interrupção no fornecimento de energia, em ambos os trechos, foram comunicados por meio de publicação de edital em jornais de grande circulação e rádios, envio de cartas aos clientes e publicação no site da concessionária: www.energisa.com.br.

A retirada dos postes é um dos últimos serviços previsto na requalificação da 14 e tem previsão de início em setembro.

Com informações da assessoria

Veja Também

Celebração aos influenciadores digitais
ALMS derruba veto e insenção em concurso para mesários continua
Ibama pretende monitorar desmatamento
Sejusp fecha fronteira e apreende sete toneladas de drogas
Agehab notifica beneficiários de Corumbá por inadimplência
Praça dos imigrantes terá um canto às mulheres
Rampa para desembarque de barcos está sendo construída
Bolsonaro volta a dizer que ONGs podem estar por trás de queimadas
Motociclista se surpreende ao avistar onça-pintada
Bombeiros fazem alerta sobre dias de tempo seco