Campo Grande •24 de Julho de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner - Rota das estações

Laureano Secundo | Sexta, 19 de Maio de 2017 - 09h58Justiça do Trabalho fará 1.718 audiênciasJuízes trabalhistas se preparam para solucionar milhares de processos

Audiências são oportunidade para solução de ações trabalhistas
Audiências são oportunidade para solução de ações trabalhistas (Foto: Arquivo Diário Digital)

A Justiça do Trabalho espera solucionar milhares de processos por meio de acordos entre patrões e empregados durante a Semana Nacional da Conciliação Trabalhista, que será realizada de 22 a 26 de maio, nos 24 Tribunais Regionais do Trabalho. Em Mato Grosso do Sul, 1.718 audiências foram agendadas para a próxima semana. Em todo o país, são mais de 30 mil processos em pauta.

Empresas e trabalhadores são convocados para audiências, onde já há manifestação de pelo menos uma das partes em conciliar. Assim, uma proposta de acordo é apresentada e as partes decidem se querem ou não encerrar o processo. Todos os acordos são mediados por um juiz ou servidor competente e a homologação é feita pelo juiz do trabalho. O evento, promovido pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho, tem como objetivo finalizar de forma conciliatória processos que estão em tramitação: uma forma mais rápida e eficaz do que a via processual tradicional.
Na Semana Nacional da Conciliação Trabalhista do ano passado, as 26 Varas do Trabalho de Mato Grosso do Sul e o Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região conseguiram o pagamento de direitos trabalhistas no valor de R$ 8 milhões, com um índice de acordo de 40%. Ao todo, 562 processos que tramitavam em Primeiro e Segundo Graus foram solucionados e 3.331 pessoas foram atendidas.
Este ano, a campanha tem o slogan "Para que esperar, se você pode conciliar". Desde 2015, a Justiça do Trabalho, por meio da Comissão Nacional de Promoção à Conciliação, promove campanhas como a Semana Nacional de Conciliação Trabalhista com o intuito de conscientizar e estimular empresas e trabalhadores a optarem pelo diálogo ao invés de uma ação judicial - o objetivo é que patrões e empregados firmem acordos e solucionem seus litígios trabalhistas, reduzindo o número de processos que tramitam nos tribunais e varas.

Veja Também
Em carreata, motoristas de Uber protestam na Capital
Cães nas ruas dificultam combate à raiva em Corumbá
Agetran promove ações alusivas ao Dias do Motorista e Motociclista
Material reaproveitável será utilizado na Oficina de Ecobags em Bonito
Prefeitura prepara 29ª Festa do Folclore de Três Lagoas
Arraiá Uems terá quadrilha, bandas e show de talentos
Obras da Euler de Azevedo são prorrogadas por 120 dias
Enfermeiros têm carga horária de 30h regulamentada em lei
Segunda, 24 de Julho de 2017 - 12h22Casa da moeda retoma a emissão de passaportes nesta segunda-feira Casa da Moeda estima que em até cinco semanas o serviço esteja regularizado, zerando a fila de espera
Segunda, 24 de Julho de 2017 - 12h00Injeção mensal contra HIV pode substituir tratamento diário, diz estudo Atualmente, portadores do HIV devem tomar um comprimido por dia para que vírus seja indetectável e não seja transmitido
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento