Menu
27 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Campo Grande

Operários serão capacitados em canteiro de obras

Além do certificado, os estudantes irão receber uma cesta básica

30 Mai2017Da redação17h40

Aulas de alfabetização, inclusão digital e profissionalizante serão levadas a canteiros de obras de Campo Grande no projeto Escola Nota 10, uma iniciativa do Instituto MRV, organização sem fins lucrativos fundada pela construtora MRV Engenharia e Participações S/A.  A prefeitura da Capital formalizou parceria com a ação, por meio da Secretaria Municipal de Gestão (Seges), e vai integrar o projeto através da Escola de Governo (Egov).

Serão oferecidas 18 vagas para aulas de português, matemática e raciocínio lógico. Com carga horária de 45 horas/aula, o curso será ministrado no próprio canteiro de obras. A previsão é que as aulas já comecem no dia 5 de junho, das 16 as 18 horas. O curso terá duração de aproximadamente 30 dias e além do certificado, os estudantes irão receber uma cesta básica.

“Sabendo que não se pode mudar o passado, cada um tem dentro de si o poder de mudar o seu futuro. O conhecimento é o melhor caminho, pois é uma riqueza que ninguém tira de nós. Essas pessoas que vão participar da capacitação já são vencedoras pela disposição e desejo que mantenham essa força de vontade para fazer a diferença num país cada vez mais competitivo, onde a tecnologia está cada vez mais substituindo a mão de obra do homem”, disse o prefeito Marquinhos Trad (PSD).

Em contrapartida, a empresa parceira irá fazer a doação de equipamentos e utensílios, como também execução de atividades de consertos e melhoramento das dependências do prédio da Escola de Governo, conforme determina o Termo de Cooperação assinado nesta manhã.

Para o secretário-adjunto da Seges, Igor Peixoto, a parceria surge em um momento importante para a gestão. “Além da prefeitura contribuir com esses trabalhadores nos canteiros de obras, oferecendo o aprimoramento profissional, criando oportunidades para a qualificação educacional e desenvolvimento profissional, a empresa aparece para somar neste momento de corte de gastos e contenção, já que irá nos auxiliar na melhoria estrutural da nossa Escola de Governo, que é um equipamento bastante útil e importante para os mais de 23 mil servidores municipais”, considera

O consultor em Gestão Ambiental da Regional de Campo Grande da MRV, Abadio Furtado, disse que a turma a ser aberta para a capacitação vai contemplar pessoas da comunidade do entorno do empreendimento do Jardim Seminário. “Vamos abrir oito vagas para receber em nossos canteiros de obras também os moradores da comunidade próxima que tenham interesse nesta capacitação pessoal. Sabemos da importância da iniciativa, que agrega conhecimento e, com isso, melhora a auto-estima das pessoas”.

O ato de assinatura do termo de cooperação contou com a presença dos secretários municipais Luiz Fernando Buainain (Sedesc) e Maria Angélica Fontanari (SAS), além do diretor da MRV Engenharia/Prime, João Monteiro.

Veja Também