Campo Grande •18 de Novembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner Governo - Refis

Da redação | Terça, 11 de Outubro de 2016 - 11h58Temporada de chuva e calor é alerta para dengue, diz CCZ de DouradosTrabalho de combate ao mosquito foi intensificado onde Liraa apontou maiores índices de infestação

(Foto: Divulgação)

Com a chegada da primavera que prevê, neste mês de outubro, muita chuva e altas temperaturas, o alerta da prefeitura de Dourados, através do CCZ (Centro de Controle de Zoonozes) é para a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika.

Em Dourados, mesmo no inverno, com a queda de notificação de casos de dengue, o trabalho dos agentes de endemias continuou nos bairros, com visitas domiciliares, baseados nas notificações e a realização de inspeção do imóvel, orientação aos moradores, eliminação e tratamento (com larvicida) dos focos e possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti.

No último Liraa (Levantamento do Índice Rápido de Aedes aegypti) realizado entre os dias 29 de agosto a 2 de setembro, o índice de infestação do aedes aegypti caiu para 0,1%. Foram inspecionados 3.402 imóveis, em oito regiões, e encontrados seis focos do Aedes aegypti, sendo cinco positivos.

Os bairros onde foram registrados maiores índices de infestação do mosquito são Canaã III e Terra Roxa, onde o índice foi de 0,5%. Em cada bairro foi encontrado um foco e visitados 419 residências.

Em outra região, onde está o Residencial Pelicano, foram localizados dois focos e o índice ficou também em 0,5% e foram visitados 428 imóveis.

No Jardim Novo Horizonte foi localizado dois focos do Aedes aegypti e o IPP ficou em 0,2%. Na região foram inspecionadas 409 residências. No restante dos bairros conforme o Liraa, o índice de infestação é de 0,0%.

O trabalho de combate ao mosquito foi intensificado nos bairros onde o Liraa apontou os maiores índices de infestação.

A coordenadora do CCZ, Rosana Alexandre da Silva, alerta que as inspeções nos imóveis continuam e nos imóvel em situação crítica, que atendem as solicitações previstas na Lei Municipal nº 3965, de 11 de fevereiro de 2016, será notificado e estará sujeito a multa.

Mutirão - Neste sábado, dia 8, o serviço de combate ao mosquito será no BNH 1º Plano, das 7h às 13h. O ponto de encontro será no Ceper.
Os agentes de endemias realizarão a visita domiciliar, no BNH 1º Plano e imediações, realizando a inspeção do imóvel, orientação aos moradores, eliminação e tratamento (com larvicida) dos focos e possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, febre chikungunya e zika.

Veja Também
Exposição 'Memória em Movimento' narra história judicial do Estado
Previdência convoca pensionistas para recadastramento
Bebê que recebeu aplicação de leite está estável
Prefeito entrega passarela e anuncia licitação para ponte na Capital
Poder Judiciário se mobiliza na 9ª Semana pela Paz em Casa
Corumbá inicia segunda campanha de vacinação contra raiva
Decoração na Cidade do Natal vai valorizar família
Na Capital, 400 mil ainda não cadastraram digitais
Escola de Miranda abandonada há 24 anos é reformada
Sexta, 17 de Novembro de 2017 - 12h39Continuam as obras e os serviços da CCR MSVia na BR-163/MS Em caso de chuva, as obras poderão ser interrompidas
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento