Menu
19 de maio de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Manifestação

Servidores públicos realizam Dia do Basta nesta sexta-feira

Praça do Rádio Clube é o ponto de concentração dos manifestantes, na Capital

9 Ago2018Da redação19h39

Sindicatos e federações de trabalhadores de Mato Grosso do Sul, com a participação de centrais sindicais, realizam nesta sexta-feira (10) o Dia do Basta! de maneira simultânea com outras cidades do interior e em todo Brasil.

Os servidores da UFMS e Hospital Universitário, representados pelo SISTA-MS (Sind. dos Trabalhadores em Educação da Fundação Universidade Federal de MS e Institutos Federais de Ensino de MS) vai realizar panfletagem e manifestações públicas em frente à reitoria, na entrada da universidade, a partir das 6h30 até às 8h30,quando se deslocam para a Praça do Rádio para somar força com outros sindicatos e federações que estarão concentradas ali.

“Esse dia do basta é para mostrarmos a nossa indignação, a indignação do povo brasileiro contra esse estado de coisas que estão acontecendo no país para penalizar o trabalhador e o povo em geral”, afirma Waldevino Basílio, coordenador geral do SISTA-MS.

Hoje pela manhã os coordenadores do sindicato se reuniram para decidir como farão a manifestação nesta sexta-feira. Basílio explica que o protesto da entidade é pelos cortes de verbas públicas para a universidade, que vive o caos, abandonada pelo poder público; Pela garantia de reajuste salarial para os servidores que estão há quase 10 anos sem sequer reposição salarial; Contra a PEC 95, que congela gastos públicos por 20 anos; Contra a reforma da Previdência e pela revogação da reforma trabalhista que só trouxe prejuízos para os trabalhadores de todas as classes e níveis em todo o país, afirma o coordenador geral do SISTA-MS.

Veja Também

Agendamento online para castrar felinos começa nesta segunda
Famílias são notificadas para deixar área pública
Justiça tenta acordo sobre Rio da Prata
Meta para 2020 é construir 500 mil casas populares, diz Onyx
'Cidade do Natal' ganhará novo visual
Agepan busca solução para melhorar transporte em Ladário
Hospital de Ponta Porã realizou 60 cirurgias ortopédicas
Presidiários recebem curso de Primeiros Socorros da Agepen e Cruz Vermelha
Distribuição de remédios no País será normalizada, diz ministério
Prefeitura realiza projeto de valorização da cultura indígena