Menu
21 de outubro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner CCR-MS Via
Exoneração

Secretário Estadual de Saúde pede demissão

Nelson Tavares alegou motivos pessoais e deverá ser substituído por Carlos Coimbra

6 Dez2017Da redação19h02

O médico cardiologista Nelson Tavares anunciou oficialmente nesta quarta-feira, 6 de dezembro, sua saída do cargo de secretário estadual de Saúde, função que ocupava desde o início do governo de Reinaldo Azambuja em 1º de janeiro de 2015.

Durante entrevista coletiva à imprensa, ele informou que pediu demissão por motivos particulares. Sua saída estava sendo planejada há dois meses. O governo não anunciou um nome oficial para o cargo. Por enquanto, quem responde pela Secretaria de Saúde é Maurício Peralta, diretor financeiro da pasta. 

Nos bastidores, cogita-se a nomeação de Carlos Alberto Coimbra, atual gerente administrativo do Hospital Rosa Pedrossian e ex-diretor-presidente do Hospital de Câncer Alfredo Abrão. Ele já teria sido convidado pelo governador.

A exoneração, a pedido de Nelson Tavares deve ser publicada em Diário Oficial nesta quinta-feira, 7 de dezembro. Tavares deverá retornar para seu posto de origem, o de médico do Hospital Universitário.

Veja Também

Ação pela Paz terá serviços gratuitos na praça Belmar Fidalgo
Três Lagoas promete maior rigor contra descarte irregular de lixo
UFMS faz campanha divertida pela preservação de livros
Samu de Dourados alerta para ‘fake news’ sobre emprego
Corumbá oferece 150 exames de mamografia para livre demanda até dia 31
UFGD repudia símbolo nazista em cartaz da universidade
Alunos da Reme premiados em concurso de educação ambiental
Cartilha do Jovem Cinsumidor ganha 2ª edição
Anvisa aprova novos tratamentos contra o câncer
Estudo relaciona 12% das mortes por câncer de mama ao sedentarismo